sicnot

Perfil

Atentado em Nice

Detidos quatro homens por suspeita de ligação ao homicida de Nice

Quatro homens que a polícia acredita estarem ligados ao cidadão de origem tunisina que matou 84 pessoas durante o ataque de quinta-feira em Nice, sul de França, foram detidos pela polícia, anunciaram hoje as autoridades.

© Eric Gaillard / Reuters

Um dos homens foi detidos ainda na sexta-feira e os outros três hoje de manhã, detalhou a fonte, desconhecendo-se ainda a identidade dos quatro detidos.

A ex-mulher do homicida, que foi detida pela polícia na sexta-feira, ainda permanece sob custódia.

Na quinta-feira à noite, um camião avançou sobrante dois quilómetros sobre as pessoas que estavam na Promenade des Anglais (Passeio dos Ingleses) a assistir ao fogo-de-artifício para celebrar o dia de França.

O último balanço das autoridades francesas aponta para 84 mortos e 202 feridos.

Entre as vítimas mortais contam-se "dez crianças e adolescentes", afirmou François Mollins, procurador de Paris responsável pela secção antiterrorista do ministério público francês.

Das 202 pessoas que ficaram feridas, 52 estão entre a vida e a morte, precisou o magistrado.

Pelo menos um cidadão português ficou ferido no ataque, confirmou o Governo português.

O condutor do camião foi abatido pela polícia.

As autoridades francesas já consideraram estar perante um atentado e o Presidente da França, François Hollande, anunciou o prolongamento por mais três meses do estado de emergência que vigora no país desde o ano passado. França decretou luto nacional de três dias.

A autoria do ataque ainda não foi reivindicada.

Lusa

  • Bataglia deixou passar 12 milhões pela sua conta a pedido de Salgado
    2:05

    Operação Marquês

    O presidente da Escom e arguido na Operação Marquês Helder Bataglia terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates. O amigo de Sócrates e Bataglia terão combinado várias formas de não levantar suspeitas. A notícia é avançada pelo jornal Expresso na edição deste sábado.

  • Dirigente derrotado da Gâmbia concorda em ceder poder

    Mundo

    O ex-presidente e candidato derrotado das eleições na Gâmbia, Yahya Jammeh, concordou em ceder o poder ao novo Presidente do país, empossado na quinta-feira, indicou esta sexta-feira um responsável governamental senegalês.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.