sicnot

Perfil

Atentado em Nice

Hollande cancela parte da ronda europeia, mas mantém Portugal

O presidente francês, François Hollande, cancelou parte da digressão europeia prevista para discutir o Brexit, na sequência do atentado que matou 84 pessoas em Nice, mas mantém a visita a Portugal, informou hoje a presidência francesa.

© Eric Gaillard / Reuters

O chefe de Estado não viajará para a Áustria, a Eslováquia e a República Checa na quarta-feira.

No entanto, manterá a visita a Portugal na terça-feira e à Irlanda na quinta-feira, como planeado.

No seu programa inicial, anunciado antes do atentado de Nice, o presidente francês deveria discutir com os países a saída do Reino Unido da União Europeia.

Após o referendo que ditou a saída do Reino Unido, no mês passado, Hollande, a chanceler Angela Merkel e o primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, disseram querer dar um "novo ímpeto" ao bloco, particularmente nas áreas da "defesa, crescimento, emprego e competitividade".

Na quinta-feira à noite, um camião avançou durante dois quilómetros sobre as pessoas que estavam na Promenade des Anglais (Passeio dos Ingleses) a assistir ao fogo-de-artifício para celebrar o dia de França.

O atentado, que segundo o último balanço fez 84 mortos e 202 feridos, já foi reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico.

Entre as vítimas mortais contam-se "dez crianças e adolescentes", afirmou François Mollins, procurador de Paris responsável pela secção antiterrorista do ministério público francês.

Das 202 pessoas que ficaram feridas, 52 estão entre a vida e a morte, precisou o magistrado.

Pelo menos um cidadão português ficou ferido no ataque, confirmou o Governo português.

O condutor do camião foi abatido pela polícia.

Lusa

  • "Já só lhes resta uma coisa: bisbilhotar comunicações privadas"
    2:57

    Caso CGD

    O primeiro-ministro diz que o PSD atingiu o grau zero da política, quando chegou à "bisbilhotice" de querer ver as mensagens trocadas entre o ministro das Finanças e António Domingues. A polémica da Caixa Geral de Depósitos voltou a marcar o debate quinzenal, com António Costa a garantir que nunca esteve em causa a entrega de declarações da administração. Já o PSD e o CDS a acusaram o Governo de violar as regras da transparência e de oprimir os direitos da oposição.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.