sicnot

Perfil

Atentado em Nice

Atentado de Nice leva à redução de 20 a 30% no setor do turismo

O setor do turismo e as atividades paralelas registaram uma queda entre 20% e 30% como consequência do atentado de Nice, na passada quinta-feira, indicou hoje o ministro da Economia francês, Emmanuel Macron.

O ministro, que reuniu uma "célula de continuidade económica" com representantes dos principais setores económicos (comércio, turismo, hotelaria, restaurantes e atividades culturais), considerou que por agora não há sinais de "nada de crítico" e disse que há que vigiar a evolução nas próximas semanas.

Em declarações à imprensa, Macron afirmou que ainda não é possível dizer se estes primeiros efeitos vão perdurar e assinalou que houve alguns eventos cancelados pelos próprios organizadores.

A região da Côte d'Azur, no litoral sul, é o segundo centro de atração turística em França, depois de Paris.

Nice teve cerca de cinco milhões de visitantes em 2015, com um impacto de 1.500 milhões de euros, de acordo com o gabinete do turismo.

Lusa

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55
  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47