sicnot

Perfil

Autárquicas 2017

Autárquicas 2017

Autárquicas 2017

Costa viajou de comboio para defender ligações municipais e uso de transportes

MANUEL DE ALMEIDA

O secretário-geral do PS foi esta quarta-feira de comboio de Lisboa até à Amadora para apoiar a candidata socialista à autarquia local, e aproveitou a ocasião para defender uma maior ligação entre os municípios em concreto nas redes de transportes.

"Se há uma prioridade, essa chama-se transportes", defendeu António Costa, falando na Amadora na sessão de apresentação da candidatura de Carla Tavares à Câmara Municipal da Amadora, autarquia presidida atualmente pela socialista, que agora se recandidata.

Na plateia encontravam-se, por exemplo, o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, o antigo autarca da Amadora e atual candidato socialista em Oeiras, Joaquim Raposo, e a candidata do PS a Cascais, Gabriela Canavilhas.

O líder do PS, e também primeiro-ministro, saiu esta tarde do parlamento e dirigiu-se à estação ferroviária do Rossio, onde cerca das 18:00 apanhou o comboio com destino à Amadora, numa viagem que terá continuidade ao fim da tarde com uma deslocação a Queluz para acompanhar a sessão de candidatura de Basílio Horta à Câmara de Sintra.

Também Marcos Perestrello, presidente da Federação da Área Urbana de Lisboa (FAUL) do PS, estava presente na sala, tendo este sido um dos que acompanhou Costa desde a viagem no Rossio.

No trajeto, António Costa falou com diversos passageiros do comboio que, por ser ora de ponta, seguia praticamente lotado.

Uma das matérias abordadas, constatou a agência Lusa, foram as acessibilidades e a interligação entre municípios, matéria aproveitada por Costa na sua intervenção na Amadora na apresentação da candidata Carla Tavares.

Esta, na sua intervenção, disse recandidatar-se "ao serviço das pessoas" e enalteceu o trabalho feito nos últimos quatro anos em áreas como a requalificação urbana ou o realojamento de várias famílias.

"Assegurámos a sustentabilidade financeira do município", realçou ainda a atual autarca e recandidata na Amadora.

Lusa

  • Seca contribui para a redução de nutrientes no mar e está a afetar a pesca
    2:11
  • Francisco George toma posse como presidente da Cruz Vermelha Portuguesa

    País

    O ex-diretor-geral da Saúde, Francisco George toma hoje posse como presidente da Cruz Vermelha Portuguesa. Em entrevista à Lusa, manifestou a intenção de criar uma unidade para abastecimento de água potável e redução dos problemas de saneamento em catástrofes como os incêndios deste verão. Além disso, em nome da transparência, vai tornar públicas as contas do organização, incluindo os donativos.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44