sicnot

Perfil

Avião desaparecido no Mediterrâneo

Português que seguia no avião da EgyptAir era quadro da Mota Engil há 32 anos

Português que seguia no avião da EgyptAir era quadro da Mota Engil há 32 anos

O português vítima do desastre com avião da EgyptAir seguiria para uma viagem de trabalho. Era quadro há 32 anos na Mota Engil, responsável pelos mercados africanos. De acordo com o secretário de Estado das Comunidades, José Luís Carneiro, a construtora já se disponibilizou para custear todas as despesas de trasladação.

  • Parte de um corpo, assentos de avião e malas encontrados no mar

    Avião desaparecido no Mediterrâneo

    O ministério da Defesa grego anunciou que as autoridades egípcias detetaram no mar uma parte de um corpo, dois assentos e malas, informação entretanto confirmada pelo Governo egípcio. O exército egípcio tinha já dito que tinha encontrado destroços do Airbus da Egyptair, desaparecido desde ontem no Mediterrâneo. Investigadores britânicos e franceses e um perito da Airbus chegaram entretanto ao Cairo.

  • Autoridades portuguesas estão a acompanhar desenvolvimentos da queda do avião da EgyptAir
    16:41

    Avião desaparecido no Mediterrâneo

    Depois da confirmação de que um português seguia a bordo do avião da EgyptAir, o secretário de Estado das Comunidades, José Luís Carneiro esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar sobre as informações que o Governo conseguiu reunir sobre a queda do airbus A-320. O secretário de Estado garantiu que as autoridades portugueses em França e no Egito estão a acompanhar os últimos desenvolvimentos e as famílias das vítimas. José Luís Carneiro falou ainda da crise económica e social que a Venezuela atravessa.

  • Marido de idosa que morreu na Sertã teve de caminhar durante duas horas para pedir ajuda
    1:44

    País

    A Altice garantiu esta sexta-feira que tentou agendar, por duas vezes, a reposição da linha telefónica na casa da idosa da Sertã, que morreu na semana passada por não ter comunicações que permitissem um socorro rápido. A mulher sentiu-se mal e o marido teve de caminhar durante duas horas para conseguir chegar à casa do vizinho mais próximo e pedir ajuda.

  • "No meu bairro perguntam-me se a medalha é de ouro e dizem que ma vão roubar e vender"
    4:46
  • Como é que alguém (Rúben Semedo) com tanto pode perder tudo?
    3:05