sicnot

Perfil

Banif

Banif

Banif

Estado reconhece que já perdeu de forma irreversível 2.441 M€ no Banif

As perdas potenciais do Banif são de 3.680 milhões de euros. Desse valor, o Estado reconhece que já perdeu de forma irreversível, 2.441 milhões de euros. A SIC sabe que o Governo já deu o dinheiro como perdido. Das perdas potenciais do banco, o Executivo espera reaver parte do valor investido através dos ativos tóxicos colocados no chamado banco mau.

Tiago Petinga/ Lusa (Arquivo)

Ainda assim, os mil 766 milhões de euros da recapitalização somados aos 675 milhões da operação de 2013 não vão voltar aos cofres do Estado.

A SIC apurou que há um grande número de subscritores de dívida subordinada que vão ficar sem o que investiram. Garantida está a perda da série emitida a 14 de janeiro deste ano, no valor de 80 milhões de euros.

  • Maria Luís Albuquerque diz que situação no Banif se agravou depois da queda do Governo
    2:30

    Banif

    Maria Luís Albuquerque rejeita as críticas do Governo e da esquerda que acusam o anterior executivo de ter deixado arrastar a situação financeira do Banif. Em entrevista à TVI, a antiga ministra afirmou que há claramente um problema de supervisão por parte do Banco de Portugal e garantiu que foram feitas várias tentativas para que fosse aprovado um plano de reestruturação, com um processo de venda paralelo. A ex-responsável pela pasta das Finanças rejeita acusações de inação e diz que a situação agravou-se depois da queda do Governo.

  • Tribunal de Contas apresentou reservas em relação ao SIRESP em 2006

    Tragédia em Pedrógão Grande

    O Tribunal de Contas avisou em 2006 que o Estado poderia sair prejudicado nos moldes em que o Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal (SIRESP) estava a ser desenhado. De acordo com a edição de hoje do Jornal de Notícias, terão sido a ausência de um concurso público, a falta de tempo para a apresentação de propostas e mexidas no caderno de encargos a motivar as reservas do tribunal.

  • Relatório pedido pelo Governo PSD-CDS já apontava falhas no SIRESP
    2:26
  • Chef russo aconselha bife tártaro aos jogadores portugueses
    1:29
  • Bispo do Mali terá contas na Suíça com 12 M€
    1:49

    Mundo

    Há uma polémica a envolver um novo cardeal da Igreja católica. Um bispo do Mali, escolhido pelo Papa para o colégio cardinalício, está a ser relacionado com contas na Suíça onde estarão depositados milhões de euros. A cerimónia que o fará cardeal está marcada para hoje.

  • Confirmada prisão dos portugueses que gravaram nome no portão de Auschwitz

    Mundo

    Dois adolescentes católicos portugueses foram condenados a um ano de prisão com pena suspensa, por terem gravado os nomes na porta da entrada principal de Auschwitz-Birkenau. O tribunal de primeira instância de Oswiecim já tinha condenado os jovens e o tribunal de Cracóvia confirmou esta quarta-feira a pena aplicada.