sicnot

Perfil

Banif

Santander Totta rejeita qualquer favorecimento na compra do Banif

Santander Totta rejeita qualquer favorecimento na compra do Banif

O presidente do Santander Totta garante que o banco não foi beneficiado nem pela Comissão Europeia nem pelo Banco de Portugal na compra do Banif. O banco pagou 150 milhões de euros e António Vieira Monteiro admite que fez um bom negócio. O grupo Santander avalia agora o banco em 283 milhões de euros, um valor bem acima do que pagou. O Presidente do Santander Totta diz que ainda é cedo para anunciar se vai concorrer à compra do ex-BES.

  • PSD diz que é preciso avançar com comissão de inquérito ao Banif
    0:42

    Banif

    O PSD diz que é importante esclarecer tudo o que se passou com o Banif, desde o início, e daí a necessidade de avançar com a comissão de inquérito e com uma auditoria externa ao banco. Leitão Amaro defende que os portugueses têm de perceber porque é que o Banco de Portugal e o Governo fizeram as escolhas que fizeram.

  • Centeno rejeita que fosse possível poupar mil milhões no caso Banif
    1:12

    Banif

    O ministro das Finanças, Mário Centeno, fez um desmentido depois de ter sido revelado que o Estado pouparia mil milhões de euros se o Governo tivesse seguido as novas medidas do Banco Central Europeu (BCE) e tivesse implicado os grandes depositantes no estrangeiro e os detentores de dívida sénior na solução encontrada para o BANIF. O Governo nega que fosse possível poupar tanto dinheiro e acrescenta que essa solução iria pôr em causa as poupanças de uma vida de muitos emigrantes que confiaram no banco.

  • Lince ibérico esteve à venda no OLX

    País

    Um anúncio de venda de um lince ibérico, por 1.500 euros, foi publicado esta semana no site de classificados OLX, com uma morada de Alcoutim, no Algarve. A autenticidade da publicação não foi confirmada, mas em setembro foi encontrada a coleira de um lince ibérico precisamente em Alcoutim. As autoridades estão a investigar.

    SIC

  • "O futuro da Autoeuropa não está em causa"
    0:43

    Economia

    O secretário de Estado do Trabalho apelou a que os partidos não se intrometam nas negociações entre os trabalhadores e a administração da Autoeuropa. Em entrevista à Edição da Noite da SIC Notícias, Miguel Cabrita afastou a hipótese de estar em causa o encerramento da fábrica de Palmela.