sicnot

Perfil

Banif

Banif

Banif

Santander quis comprar parte do Banif no ano passado

O antigo administrador do Estado no Banif, António Varela, revelou hoje no parlamento que foi contactado pelo Banco Santander em julho passado, com o banco de capital espanhol a mostrar interesse na compra da "parte boa" da instituição.

© Rafael Marchante / Reuters (Arquivo)

"O Santander teve um contacto comigo em julho de 2015, demonstrando um eventual interesse no Banif. Eu disse que o acionista é que era o dono da posição [do Estado]. E disse para irem falar com o acionista", afirmou o responsável.

"Dei nota ao ' management' [gestão] do Banif das entidades que tinham demonstrado interesse", sublinhou António Varela, que disse desconhecer se o Santander efetivou contactos a este propósito junto do Governo português.

"Em palavras simples, o Santander disse claramente: 'quero comprar a parte boa do Banif'".

Questionado sobre se também tinha sido contactado pelo Banco Popular, António Varela admitiu que sim.

"Não tive reunião nenhuma com o Banco Popular. Tive um telefonema com o 'ceo' [presidente-executivo] do Popular uns meses antes do que aconteceu [ao Banif] e ia na linha do Santander. Também dei conta disso à gestão do Banif", sublinhou.

No âmbito da resolução do Banif, no final de dezembro de 2015, parte da atividade comercial do banco foi vendida ao Santander Totta por 150 milhões de euros.

Lusa

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.