sicnot

Perfil

Banif

Banif manipulava as contas para ocultar incumprimento de grandes clientes

EXCLUSIVO SIC

Banif manipulava as contas para ocultar incumprimento de grandes clientes

Numa entrevista exclusiva à investigaçao da SIC sobre o Banif, um antigo funcionário admite que o banco manipulava as contas para ocultar o incumprimento de grandes clientes. Esta revelação pode mudar o rumo à comissão de inquérito ao caso Banif que ainda decorre.

  • Angola tentou comprar metade do capital do Banif mas o dinheiro desapareceu
    2:06

    Banif

    O Estado angolano tentou comprar metade do capital do Banif. Os milhões de dólares desembolsados por Luanda acabaram por desaparecer misteriosamente. A queixa apresentada pelo Governo de José Eduardo dos Santos à Procuradoria Geral da República, em Lisboa, sugere que o dono do Banif efetuou reforços de capital do banco com dinheiro desviado de Angola.

  • Pecados Capitais Ep1: a história da queda do Banif
    38:23

    Pecados Capitais

    A história da queda do Banif é também a história da quebra de laços de uma família milionária. A família Roque desfez-se com a morte do fundador do banco. A ex-mulher e as filhas de Horácio Roque ainda lutam pela herança, ou pelo que resta dela. A Grande Reportagem de hoje apresenta declarações exclusivas de Fátima Roque. A professora universitária, antiga porta voz da UNITA de Jonas Savimbi, acusa o ex-marido de lhe ter tirado as filhas e os netos. Em vida, Horácio Roque terá criado mecanismos que desapossaram Fátima Roque de metade da fortuna. Horácio e Fátima casaram-se em 1967 em comunhão geral de bens. Quando o ex-marido morreu, Fátima descobre que, afinal, já nada lhe pertencia. O processo é complexo e envolve alegadas escrituras falsas, documentos que Fátima Roque garante nunca ter assinado, fórmulas jurídicas de ocultação de património e uma guerra entre uma mãe e duas filhas. Este é o primeiro episódio de uma Grande Reportagem com três partes.

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52