sicnot

Perfil

Banif

Bruxelas garante que não teve qualquer papel na decisão de acabar com o Banif

Bruxelas garante que não teve qualquer papel na decisão de acabar com o Banif

A Comissão Europeia diz que o Banif não precisava de ter sido resolvido e vendido ao Santander em 2015. Diz ainda que se o banco desapareceu foi por decisão das Finanças e do Banco de Portugal. Bruxelas recusa ter tido influência no dinheiro que foi injetado no banco com a resolução e garante que estava disponível para aceitar um plano de reestruturação que mantivesse o banco aberto.

  • Ep 2: As especulações sobre a venda do Banif
    38:29

    Pecados Capitais

    A venda do Banif ao Santander tem suscitado as mais diversas especulações. Desde logo que a compra foi apadrinhada pela Comissão Europeia, com a cumplicidade do governo socialista de Portugal. Os factos, todavia, encaminham-nos para outro cenário. Em 2012, o Banif era um banco próximo da ruína. Este é o segundo episódio de Pecados Capitais.

  • Pecados Capitais Ep1: a história da queda do Banif
    38:23

    Pecados Capitais

    A história da queda do Banif é também a história da quebra de laços de uma família milionária. A família Roque desfez-se com a morte do fundador do banco. A ex-mulher e as filhas de Horácio Roque ainda lutam pela herança, ou pelo que resta dela. A Grande Reportagem de hoje apresenta declarações exclusivas de Fátima Roque. A professora universitária, antiga porta voz da UNITA de Jonas Savimbi, acusa o ex-marido de lhe ter tirado as filhas e os netos. Em vida, Horácio Roque terá criado mecanismos que desapossaram Fátima Roque de metade da fortuna. Horácio e Fátima casaram-se em 1967 em comunhão geral de bens. Quando o ex-marido morreu, Fátima descobre que, afinal, já nada lhe pertencia. O processo é complexo e envolve alegadas escrituras falsas, documentos que Fátima Roque garante nunca ter assinado, fórmulas jurídicas de ocultação de património e uma guerra entre uma mãe e duas filhas. Este é o primeiro episódio de uma Grande Reportagem com três partes.

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

    Em desenvolvimento

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.