sicnot

Perfil

Bola de Ouro 2016

Bola de Ouro 2016

Bola de Ouro 2016

A nova velha Bola de Ouro

© Benoit Tessier / Reuters

A Bola de Ouro, prémio da France Football que distingue o melhor futebolista do ano e que se desvinculou da parceria com a FIFA, será entregue antes do final do ano civil, anunciou hoje a revista francesa.

Sem revelar muito mais detalhes, a France Football, que mantinha a aliança com a FIFA desde 2010, acrescentou que a eleição será determinada a partir de uma lista inicial de 30 jogadores, mais sete do que nas edições anteriores.

No novo formato, deixará de haver o anúncio intermédio dos três finalistas.

Relegando para a próxima publicação mais pormenores, a France Football garantiu que o vencedor será anunciado "antes do final do ano civil", quando o prémio conjunto com a FIFA era entregue em janeiro.

Tal como já tinha anunciado na sexta-feira, dia em que foi formalizado o divórcio com a FIFA, a France Football entregará a votação a um conjunto de jornalistas.

Assim, a revista recupera o formato original e abdica dos votos dos selecionadores e capitães das equipas nacionais.

"Esperamos, desta forma, que [a Bola de Ouro] recupere alguma justiça, sem a participação de elementos que pretendam defender o preservar companheiros [de seleção]", explicou a revista.

Desde a criação do prémio conjunto, em 2010, Messi venceu por quatro vezes (2010, 2011, 2012 e 2015) e Cristiano Ronaldo duas (2013 e 2014).

Antes, os dois jogadores venceram o prémio exclusivo FIFA de melhor jogador do mundo: Cristiano Ronaldo em 2008 e Lionel Messi em 2009, troféus que, nesses dois anos, coincidiram com a Bola de Ouro da France Football.

Lusa

  • Partidos vão apresentar propostas alternativas à descida da TSU
    2:52

    TSU

    O Presidente da República defende a redução da Taxa Social Única mas deixa a porta aberta a outra via para compensar o aumento do salário mínimo. PCP e Bloco de Esquerda insistem que não pode haver contrapartidas que estimulem os salários baixos mas admitem outras formas de aliviar as empresas. À direita, também o CDS irá apresentar propostas.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.