sicnot

Perfil

Brexit

Brexit

Brexit

Governo sueco diz que resultado deve servir para despertar a UE

O primeiro-ministro sueco, o social-democrata Stefan Löfven, declarou hoje que o triunfo do Brexit no referendo britânico deve servir de "despertador" para os dirigentes europeus.

© Lehtikuva Lehtikuva / Reuters

"O resultado eleitoral é de muitas formas um despertador para a Europa", afirmou, de acordo com a agência Efe, o chefe do Governo sueco numa conferência de imprensa em Estocolmo, defendendo que a União Europeia deve evoluir e melhorar.

Stefan Löfven, que lídera um Governo em minoria com os ecologistas, admitiu que não esperava este resultado do referendo, qualificando-o de "grave", sobretudo para o Reino Unido.

"É importante que a UE permaneça unida contra os desafios. Agora, o que faz falta é união, não divisão", afirmou.

A vitória do Brexit deu, em contrapartida, ânimo a outras forças políticas na Suécia - que em 2003 rejeitou em referendo a adesão à moeda única - para exigirem a renegociação das relações do país escandinavo com a UE.

Os Democratas da Suécia (SD, extrema-direita), terceira força parlamentar, pediu ao Governo que tome a iniciativa de iniciar discussões com Bruxelas e que convoque desde já uma consulta sobre o resultado.

O líder do partido, Jimmie Åkesson, argumentou que o triunfo do Brexit reforça a legitimidade para a realização de um referendo sobre a saída da Suécia da União Europeia, uma ideia defendida pelo SD.

O partido da Esquerda Socialista, uma das formações políticas com menos assentos no parlamento sueco, defendeu também que Estocolmo deve renegociar com Bruxelas no sentido de diminuir o poder da UE nos destinos políticos da Suécia.


Lusa

  • O dia em que o Brexit começa
    1:25

    Brexit

    A primeira-ministra britânica já assinou a carta que vai enviar ao Conselho Europeu para formalizar a vontade do Reino Unido de sair da União Europeia. O artigo 50.º do Tratado de Lisboa será ativado nas próximas horas. Na véspera, Theresa May recebeu da Escócia um novo contratempo político.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Governo vai dar mais meios à investigação criminal
    2:34

    País

    A ministra da Justiça garante que o Governo vai dar mais meios à investigação criminal, mas assegura que não vai mexer nos prazos dos inquéritos. A questão tem sido insistentemente levantada pela defesa de José Sócrates, que se queixa de que a Operação Marquês já ultrapassou todos os prazos.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.