sicnot

Perfil

Brexit

Brexit

Brexit

Obama diz que Reino Unido e UE vão permanecer "parceiros indispensáveis"

O Presidente dos EUA, Barack Obama, garantiu hoje, numa mensagem divulgada em Bruxelas, que o país manterá as parcerias indispensáveis com o Reino Unido e com a União Europeia, sublinhando respeitar a opção do eleitorado pelo Brexit.

© Carlos Barria / Reuters

"O povo do Reino Unido falou e respeitamos a sua decisão. A relação especial entre os Estados Unidos e o Reino Unido é duradoura e o como membro da NATO, o Reino Unido continua a ser fundamental na política externa, de segurança e económica dos EUA ", disse Obama.

O líder norte-americano realçou ainda que também a relação com a União Europeia é vital, tendo contribuído "para promover a estabilidade, estimular o crescimento económico e acolher a promoção dos valores democráticos no continente e para além dele".

Obama tinha apelado ao voto pela permanência na UE durante uma visita de Estado ao Reino Unido, em abril.

Os eleitores britânicos decidiram que o Reino Unido vai sair a União Europeia (UE), depois de o Brexit ter conquistado 51,9 por cento dos votos no referendo de quinta-feira, cuja taxa de participação foi de 72,2%.

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, anunciou já a sua demissão com efeitos em outubro.

As principais bolsas europeias abriram hoje em forte queda, com a bolsa de Londres a descer perto dos 08%, mantendo-se ao fim da manhã com perdas entre os 5% e os 11%.

Numa primeira reação, os presidentes das instituições europeias (Comissão, Conselho, Parlamento Europeu e da presidência rotativa da UE) defenderam um divórcio o mais rapidamente possível, "por muito doloroso que seja o processo".

Lusa

  • O filme do referendo britânico

    Brexit

    Filme dos acontecimentos do referendo à saída do Reino Unido da União Europeia, desde o início da votação às reações aos resultados em que o 'Brexit' conquistou 51,9% dos votos no referendo de quinta-feira.

  • E agora, como vai ser?

    Brexit

    Os eleitores britânicos decidiram que o Reino Unido vai sair da UE, depois de o 'Brexit' ter conquistado 51,9% dos votos no referendo de quinta-feira, cuja taxa de participação foi de 72,2%. O primeiro-ministro britânico, David Cameron, anunciou já a sua demissão com efeitos em outubro. E agora, como vai ser? Fica aqui as perguntas e respostas sobre o impacto do referendo no Reino Unido.

  • O efeito dominó do Brexit

    Brexit

    Depois dos britânicos, cinco países já admitiram vir a referendar a sua permanência na União Europeia. No total foram quatro estados-membros e a Turquia que, ainda sem oficializar a adesão, já deu sinais de que a questão deve ir a consulta popular.

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.