sicnot

Perfil

Brexit

Schulz diz que este é um momento difícil para a UE e para o Reino Unido

Schulz diz que este é um momento difícil para a UE e para o Reino Unido

O presidente do Parlamento Europeu diz que é um momento difícil tanto para a União Europeia como para o Reino Unido. Em declarações esta manhã, Martin Schulz acrescentou ainda que o Parlamento Europeu está preparado para contribuir para um processo construtivo que vise a estabilidade.

  • O Brexit ganhou e agora? Segue-se um longo processo de divórcio

    Brexit

    A vitória do "Sair" no referendo sobre a permanência do Reino Unido na União Europeia obrigará agora as duas partes a longas e difíceis negociações para pôr fim a um casamento de 40 anos. O Tratado de Lisboa prevê um prazo de dois anos para a negociação da saída de um Estado-membro do bloco europeu.

  • Reino Unido sai da UE e Cameron demite-se

    Brexit

    O primeiro-ministro britânico anunciou esta manhã ao país que deverá ser outro chefe de Governo a assumir as rédeas do Reino Unido. David Cameron dá um prazo de três meses, um período de transição após o qual sairá do Executivo britânico. Os eleitores britânicos decidiram que o Reino Unido vai sair a União Europeia, depois de o Brexit ter conquistado 51,9% dos votos no referendo de quinta-feira, segundo os resultados finais. O referendo no Reino Unido pode vir a ter consequências na própria composição do país. Por sua vez, o presidente do Conselho Europeu garante que a União Europeia vai manter-se unida com 27 estados-membros.

  • Fogo em Setúbal dominado
    2:31

    País

    O incêndio que deflagrou na terça-feira em Setúbal está dominado. As chamas chegaram a ameaçar as casas, o que obrigou à retirada de cerca de 500 pessoas das habitações, como medida de precaução. Também o Hotel do Sado teve de ser evacuado.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.