sicnot

Perfil

Brexit

Brexit

Brexit

Escócia quer discussões imediatas com Bruxelas para proteger lugar na UE

O Governo escocês reclama discussões imediatas com Bruxelas para "proteger o seu lugar na União Europeia" depois da saída do Reino Unido, declarou hoje a primeira-ministra Nicola Sturgeon, após uma reunião de urgência em Edimburgo.

© Russell Cheyne / Reuters

O executivo escocês vai também preparar desde já o quadro legislativo que permita a realização de um segundo referendo sobre a independência desta região semi-autónoma do Reino Unido, acrescentou Sturgeon.

Na quinta-feira, 51,9% dos votantes britânicos optaram pela saída do Reino Unido da UE, contra 48,1% que preferia manter-se, numa consulta com uma participação de 72,1% dos eleitores.

O resultado precipitou o anúncio da demissão do primeiro-ministro britânico, o conservador David Cameron, e levou os líderes da União Europeia a pedir ao Reino Unido para iniciar o processo da retirada do bloco comunitário "o mais rapidamente possível".

Lusa

  • O Reino Unido dividiu-se na votação do Brexit
    1:44

    Brexit

    Apesar do nome o Reino Unido esteve dividido na votação. Inglaterra e País de Gales queriam sair, mas a Irlanda do Norte e Escócia não. No caso da Escócia, o país volta a pedir um referendo para sua independência.

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07