sicnot

Perfil

Brexit

Brexit

Brexit

Alemanha, França e Itália querem rapidez na saída dos britânicos e um novo impulso para o projeto europeu

A chanceler alemã Angela Merkel recebeu hoje, em Berlim, o presidente francês e o primeiro-ministro italiano. Os três líderes europeus discutiram a saída do Reino Unido e o futuro da União Europeia. A anfitriã do encontro anunciou que a Alemanha, França e Itália pretendem propôr aos restantes países da União Europeia que seja dado um "novo impulso" ao projeto europeu - nomeadamente nas áreas da Defesa e da Economia.

© Hannibal Hanschke / Reuters

Berlim, Paris e Roma vão mesmo apresentar uma proposta formal aos restantes chefes de Estado e de governo, uma proposta que deve ser implementada nos próximos meses, aproveitando o atual momento que se vive na Europa, com a partida dos britânicos.

Quanto ao Brexit, os três líderes são unânimes em afirmar que Londres tem de formalizar a saída, ativando o artigo 50 do Tratado de Lisboa. Sem esse passo, nada mais pode ser feito.

Nesta reunião de Berlim, o presidente francês lançou mesmo um apelo aos britânicos: François Hollande diz que não há tempo a perder, para efetivar a saída do reino Unido da União Europeia. O encontro serviu também para passar uma imagem de união entre três dos fundadores.

  • EUA garantem que Brexit vai reforçar a NATO
    0:54

    Brexit

    Os Estados Unidos da América consideram que a saída do Reino Unido da União Europeia não vai enfraquecer a NATO, muito pelo contrário. A mensagem foi deixada hoje pelo secretário de estado norte-americano. John Kerry está em Bruxelas a preparar a próxima cimeira da Aliança Atlântica.

  • Um quinto das empresas britânicas pensa deslocar parte da atividade para outro país

    Brexit

    Um quinto dos administradores de empresas britânicas pensa deslocar parte da atividade para outro país, em consequência da decisão de saída da União Europeia. Uma sondagem feita pelo instituto dos diretores, Federação Britânica dos Dirigentes de Empresas, revela que 64% dos administradores de empresas pensam que o Brexit vai ser negativo para a atividade a que estão ligados, 24% prevê o congelamento dos contratos e 22% está a pensar deslocar algumas operações.

  • Bruxelas diz que só analisará aplicação de sanções a Portugal e Espanha em julho

    Economia

    Bruxelas diz que ainda não tomou uma decisão sobre a aplicação de sanções a Portugal e Espanha. Em resposta à SIC, uma porta-voz da Comissão diz que o Colégio de Comissários só volta a analisar o caso português e espanhol no início de julho e que ainda não tomou qualquer decisão. Segundo fontes comunitárias, o tema das sanções não está na agenda da reunião que decorre hoje em Bruxelas e em que estão em discussão as consequências do Brexit. De acordo com o jornal "Le Monde", Bruxelas estará a considerar aplicar sanções ao país por ter falhado as metas do défice.

  • Presidente do Tondela diz que clube foi humilhado
    1:26

    Desporto

    O presidente do Tondela participou esta segunda-feira na conferência de imprensa após o jogo da 23.ª jornada da I Liga com o Sporting. Gilberto Coimbra criticou o árbitro do encontro João Capela, e diz que o tempo de compensação dado a mais foi por uma falta que não foi assinalada sobre um jogador do Tondela, Bruno Monteiro.

  • Último golo do Sporting ao Tondela "é legal e limpinho" 
    0:41

    Desporto

    Jorge Jesus entende que a vitória desta segunda-feira do Sporting frente ao Tondela não merece contestação e destaca o facto de o árbitro ter avisado os jogadores que iria prolongar o tempo extra. Para o treinador dos leões, o golo no minuto 99' é legal. 

  • Deputados pedem medidas urgentes para travar exploração de urânio junto à fronteira
    3:06

    País

    Um projeto de exploração de urânio no município de Retortilho em Salamanca, a cerca de 40 quilómetros da fronteira portuguesa, está a causar preocupação nos dois países. Portugueses e espanhóis temem o risco de contaminação por via aérea e fluvial. Deputados portugueses visitaram o local, onde pediram medidas firmas e urgentes ao Governo para travar o projeto. As autoridades de Espanha não acionaram o mecanismo de avaliação ambiental partilhada.

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • "Os Estados Unidos são uma sociedade de pistoleiros"
    3:47
  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser derrotada

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC