sicnot

Perfil

Brexit

França e Alemanha pedem urgência na invocação do artigo 50

França e Alemanha pedem urgência na invocação do artigo 50

A França e a Alemanha garantem que têm exatamente a mesma posição sobre o Brexi e pedem ao Reino Unido para sair o mais rapidamente possível. Os dois países dizem ainda que as negociações só serão feitas depois de invocado o artigo 50.

  • Reino Unido só deve ativar artigo 50 quando tiver "visão clara" do futuro
    0:37

    Brexit

    O ministro das Finanças britânico diz que o Reino Unido só deve ativar o artigo 50 para deixar a União Europeia quando tiver uma "visão clara" do seu futuro. George Osborne lembrou que acionar o artigo 50 dos Tratados Europeus envolve tempo e que, enquanto isso, o departamento de responsabilidade orçamental deve começar a desenhar um plano para o país depois do resultado do referendo da passada quinta-feira que deu a vitória à saída da União Europeia.

  • Alemanha, França e Itália querem rapidez na saída dos britânicos e um novo impulso para o projeto europeu

    Brexit

    A chanceler alemã Angela Merkel recebeu hoje, em Berlim, o presidente francês e o primeiro-ministro italiano. Os três líderes europeus discutiram a saída do Reino Unido e o futuro da União Europeia. A anfitriã do encontro anunciou que a Alemanha, França e Itália pretendem propôr aos restantes países da União Europeia que seja dado um "novo impulso" ao projeto europeu - nomeadamente nas áreas da Defesa e da Economia.

  • Angela Merkel aguarda declaração oficial sobre referendo
    1:06

    Brexit

    A Chanceler alemã avisou hoje que não há lugar para negociações informais para a saída do Reino Unido, sem que o país declare oficialmente a decisão e invoque o artigo 50 do Tratado de Lisboa. Angela Merkel reforça ainda a importância de manter os restantes 27 estados-membros unidos e diz que o impasse criado com o referendo britânico tem agora que ser resolvido.

  • Manifestação contra resultados do partido alemão de Extrema-Direita
    0:39
  • Ciclista Peter Sagan tricampeão do mundo

    Desporto

    O eslovaco Peter Sagan deixou este domingo mais uma marca na história do ciclismo, ao sagrar-se campeão do mundo de fundo pela terceira vez consecutiva, uma proeza inédita para norueguês ver e lamentar.