sicnot

Perfil

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit

Obama admite "preocupações" quanto ao crescimento económico a longo prazo

O Presidente norte-americano, Barack Obama, disse hoje que "preocupações legítimas pesam sobre o crescimento económico mundial a longo prazo", depois de os britânicos terem votado a favor da saída da União Europeia (UE).

© Kevin Lamarque / Reuters

"Penso que existem algumas preocupações legítimas a longo prazo quanto ao crescimento global, se, de facto, o Brexit acontecer e isso congela as possibilidades de investimento na Grã-Bretanha ou na Europa como um todo", afirmou Obama numa cimeira com os seus homólogos canadiano e mexicano na capital canadiana, Otava.

"Numa altura em que a taxa de crescimento global já é fraca, isto não ajuda", acrescentou.

Por outro lado, Obama mostrou-se "confiante" que a decisão britânica de deixar a União Europeia não vai afetar o sistema financeiro global, num dia em que os mercados voltaram a recuperar das perdas do pós-Brexit.

"Tendo em conta a votação do Reino Unido no sentido de sair da União Europeia, as nossas equipas económicas vão continuar a trabalhar em conjunto para nos mantermos focados no crescimento das nossas economias e garantirmos que o sistema financeiro global é estável, é algo que estou confiante que conseguiremos fazer", salientou Obama.

Lusa

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.