sicnot

Perfil

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit / Eleições no Reino Unido

Cameron abandona o cargo na quarta-feira

David Cameron vai abandonar o cargo de primeiro-ministro britânico esta quarta-feira e não em setembro, como inicialmente tinha dito, após a vitória do Brexit no referendo. A ministra do Interior e única candidata à sucessão de Cameron, Theresa May, assumirá o cargo.

© Reuters Photographer / Reuter

"Teremos uma nova primeira-ministra naquele edifício atrás de mim na quarta-feira à noite", disse Cameron aos jornalistas à porta da sua residência oficial em Downing Street, na capital britânica.

O líder conservador demissionário acrescentou que participará na sua última sessão de perguntas e respostas no parlamento na quarta-feira, antes de abdicar do cargo perante a rainha Isabel II.

Theresa May, uma das selecionadas pelo grupo parlamentar do Partido Conservador, tornou-se hoje a única candidata à sucessão de David Cameron à frente do partido e do governo britânico, depois de a sua principal adversária, Andrea Leadsom, ter abandonado a corrida.

O atual primeiro-ministro demitiu-se após o voto favorável à saída da União Europeia no referendo mas disse que ficaria à frente do Governo até ser eleito o seu sucessor, o que iria acontecer em setembro.

Theresa May tem 59 anos e foi até agora ministra do Interior do governo de David Cameron.

  • O dia que roubou dezenas de vidas em Pedrógrão Grande
    3:47
  • Metade dos moradores de Sandinha recusaram sair das casas
    3:14
  • Habitantes de Várzeas tentam regressar à normalidade
    2:48
  • Corpos da tragédia em Pedrógão guardados em camião de alimentos
    8:11

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Duarte Nuno Vieira, médico legista, esteve esta quinta-feira, na Edição da Noite, para comentar o que já foi feito e o que falta fazer em Pedrógão Grande, depois de ter sido atingido pelos incêndios. O presidente do Conselho Europeu de Medicina Legal defendeu que guardar os corpos das vítimas mortais num camião de alimentos foi uma "maneira de solucionar o problema da forma possível", visto que não há espaço no Instituto Nacional De Medicina Legal.

  • Trump volta a garantir que não tentou interferir na investigação do FBI
    0:17

    Mundo

    O Presidente dos EUA reitera que não tentou interferir na investigação do FBI em relação às alegadas interferências da Rússia nas eleições presidenciais. Questionado sobre as gravações das conversas que manteve com o ex-diretor da polícia de investigação, James Comey, Donald Trump prometeu esclarecimentos num futuro breve.

  • "A informação pode ter saído depois da hora do exame de Português"
    1:19

    País

    O presidente da Confederação Nacional das Associações de Pais diz que é preciso aguardar pelas conclusões do relatório sobre a alegada fuga de informação do exame nacional de Português. Jorge Ascensão defende que a investigação deve causar o mínimo de impacto aos alunos que realizaram a prova.