sicnot

Perfil

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit

Portugal, Espanha e Chipre serão os mais afetados no turismo pelo Brexit

A precisão da agência de notação financeira Moody's diz que Portugal, Espanha e o Chipre vão ser os países mais afetados no turismo pela saída do Reino Unido da União Europeia.

A agência norte-americana que avalia as dívidas soberanas considera que os três países estão mais expostos ao Brexit através do turismo, mas também porque têm dívidas elevadas e grandes necessidades de financiamento externo.

A Moody's diz ainda que a saída do Reino Unido pode ter um impacto negativo na coesão da União Europeia a longo prazo e fomentar movimentos contra Bruxelas, sobretudo em países com eleições marcadas para os próximos dois anos.

Já os países nórdicos com fortes sistemas orçamentais, como a Alemanha, a Holanda e a Suécia, são os mais bem posicionados para aguentar qualquer pressão. Contudo, estes países deverão provavelmente pagar contribuições mais elevadas para a UE nos próximos anos.

  • Incêndios causaram 76 feridos no espaço de uma semana
    0:34

    País

    No espaço de uma semana, 76 pessoas ficaram feridas, incluindo seis com gravidade, durante os incêndios florestais. Na conferência de imprensa desta tarde, a Proteção Civil explicou que há cinco planos municipais de emergência ativos por causa das chamas.

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.