sicnot

Perfil

Brexit

Brexit

Brexit

Theresa May pede tempo para negociar saída da União Europeia

A primeira-ministra britânica pediu "tempo" aos líderes europeus para preparar as negociações sobre a saída do Reino Unido da União Europeia, disse hoje o porta-voz do gabinete de Theresa May.

© POOL New / Reuters

A nova chefe do Executivo de Londres falou na quarta-feira à noite com Angela Merkel, François Hollande e o primeiro-ministro irlandês, Enda Kenny, acrescentou a mesma fonte.

Em todas as conversas telefónicas, "a primeira-ministra enfatizou o seu compromisso no sentido do cumprimento da vontade dos britânicos em abandonar a União Europeia", indicou o porta-voz de Downing Street.

"A primeira-ministra explicou que necessitamos de tempo para preparar as negociações e manifestou-se confiante sobre os contactos que devem decorrer com espírito construtivo e positivo", disse ainda a fonte do gabinete da chefe do Governo britânico.

No contacto com Angela Merkel, as duas governantes concordaram que estão a favor do estabelecimento de "uma relação construtiva", tendo, ao mesmo tempo, reconhecido a "importância na cooperação" mútua.

Segundo a fonte do n.º 10 de Downing Street, Theresa May, na conversa mantida com o chefe de Estado francês, François Hollande, destacou a relevância da relação bilateral em matérias como a segurança, defesa e controle fronteiriço.

"A primeira-ministra endereçou os melhores cumprimentos ao Presidente (François Hollande) e ao povo francês pelo Dia da Bastilha (que se comemora hoje) e Hollande convidou a primeira-ministra a visitar Paris", acrescentou.

Na conversa telefónica com o chefe de Governo de Dublin, registou-se consenso na manutenção da "forte colaboração" entre os dois países.

Theresa May nomeou, na quarta-feira, Philip Hammond como ministro da Economia, Boris Johnson para os Negócios Estrangeiros e Amber Rudd como ministro do Interior, sendo o deputado David Davis o ministro responsável pelas questões relacionadas com a saída do Reino Unido da União Europeia.

O novo Governo tem pela frente a tarefa de negociar a saída da União Europeia, na sequência da vitória do Brexit, no referendo realizado no passado dia 23 de junho.

Com Lusa

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.