sicnot

Perfil

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit

Saída do Reino Unido "reforça incertezas" para a economia mundial

© Paul Hackett / Reuters

A decisão do Reino Unido de sair da União Europeia (UE) "reforça as incertezas" para a economia mundial, referiram hoje os ministros das Finanças das maiores economias do mundo (G20), reunidos em Chengdu, na China.

No entanto, os ministros e os governadores dos bancos centrais do G20, quiseram deixar uma mensagem positiva, considerando que os países da UE "estão bem posicionados" para enfrentar "de forma dinâmica" as eventuais repercussões económicas e financeiras do 'Brexit', segundo o comunicado final da reunião.

Os responsáveis manifestaram dúvidas em relação à forma como Londres e a Europa se vão separar, com o governador do Banco do Japão a considerar que se trata de um assunto "importante na ordem do dia".

O Fundo Monetário Internacional (FMI) baixou na terça-feira as suas previsões de crescimento mundial para 2016 e 2017, avisando que as incertezas prolongadas em relação ao Brexit podem gerar uma descida ainda mais acentuada.

"O essencial do Brexit ainda está por acontecer e repercussões ainda mais negativas são uma clara possibilidade", referiu o FMI na reunião do G20.

Além do caso britânico, "persistem fortes riscos (...) a volatilidade financeira continua elevada e os conflitos geopolíticos, o terrorismo e o fluxo de migrantes continuam a afetar as economias", refere-se no comunicado do G20, que fala numa retoma "mais fraca que o esperado".

Lusa

  • Barco naufraga no Brasil, pelo menos sete mortos

    Mundo

    Uma embarcação com cerca de 70 pessoas a bordo naufragou na terça-feira no rio Xingú, no estado brasileiro do Pará. Pelo menos 25 pessoas foram resgatadas com vida, há sete mortos confirmados.

    Em atualização

  • Enfermeiros especialistas em saúde materna retomam protesto 

    País

    Os enfermeiros especialistas em saúde materna e obstetrícia voltam quinta-feira de manhã a interromper as funções especializadas, o que pode afetar blocos de parto e maternidades. Queixam-se de "falta de resposta política adequada" e "ausência de acordos sérios".

  • Cristas vaiada em bairro de Chelas
    1:44

    Autárquicas 2017

    Assunção Cristas promete mudanças na Gebalis, a empresa municipal que gere os bairros sociais em Lisboa. Esta manhã, a candidata do CDS à câmara visitou um bairro de Chelas, onde foi vaiada por alguns populares.

  • Prestação da casa aumenta pela primeira vez desde 2014
    1:17

    Economia

    Pela primeira vez em três anos, as taxas de juro do crédito à habitação, estão a subir. A subida é de apenas 1 euro, mas é a primeira desde 2014, depois de em maio deste ano ter estabilizado e em junho ter descido. A justificação para este aumento é a evolução das taxas euribor.

  • "Em vez de ajudarem, estavam a tirar fotos dela a morrer"
    1:13
  • Criança irrequieta domina noticiário britânico
    1:19