sicnot

Perfil

Brexit

Brexit

Brexit

Donald Tusk pede a Londres que desencadeie rapidamente saída da UE

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, apelou esta quinta-feira a Londres para que desencadeie "o mais rapidamente possível" a saída do Reino Unido da União Europeia (UE), durante um encontro com a primeira-ministra britânica, Theresa May.

"Sei que não é fácil, mas espero que vocês estejam prontos para arrancar com o processo de saída da UE o mais rapidamente possível", disse Tusk, no início do encontro em Downing Street, residência oficial da primeira-ministra do Reino Unido.

Tusk defendeu, entretanto, na rede social Twitter, que "a bola está do lado do Reino Unido", sublinhando ser "do interesse de todos começar" as negociações "o mais rapidamente possível".

"O nosso objetivo é estabelecer relações o mais próximas possíveis entre a União Europeia e o Reino Unido", acrescentou o responsável, que tinha pedido, em meados de julho, que o Brexit (expressão por que ficou conhecida a saída do Reino Unido da União Europeia aprovada em referendo a 23 de maio) fosse "um divórcio de veludo".

De acordo com fontes comunitárias, o Conselho Europeu deseja que Londres invoque o artigo 50.º do Tratado de Lisboa (relativo à decisão voluntária de um país de sair da UE) antes de maio de 2017, para que o país já não seja um membro da União durante as eleições europeias de maio de 2019.

Uma vez desencadeado o artigo 50.º, o Reino Unido terá dois anos para negociar as condições da sua saída e para abandonar a UE.

Pelo seu lado, Theresa May disse esperar que as negociações se desenrolem "de modo suave".

A governante britânica repetiu que o artigo 50.º não será acionado "antes do fim do ano", divulgou o seu gabinete, após o encontro. May declarou que o Reino Unido necessita de tempo para preparar as negociações.

Donald Tusk está a realizar um périplo pela Europa em preparação de um encontro informal que decorrerá no próximo dia 16 em Bratislava (Eslováquia) e que reunirá o conjunto dos líderes europeus, com exceção de Theresa May.

"Isso não significa que vamos discutir as relações futuras com o Reino Unido em Bratislava, porque para isso... Nós aguardamos a invocação do artigo 50.º", garantiu.

"É claro que uma vez que as negociações a decorrerem, proteger os direitos dos cidadãos europeus no Reino Unido será um objetivo chave para todos nós", disse ainda Donald Tusk, mais tarde, em Riga (Letónia).

O Reino Unido conta com 3,3 milhões de cidadãos da UE. Theresa May já declarou que pensa "ser capaz" de garantir, após o Brexit, o estatuto dos cidadãos da comunidade que já vivam no Reino Unido, mas que tal dependerá da forma como os cidadãos britânicas que vivem em países da União sejam tratados.

Lusa

  • O dia em que Marcelo apitou um jogo de futebol

    País

    Habituado a ajuizar os momentos de tensão entre Governo e oposição, Marcelo Rebelo de Sousa foi esta quarta-feira árbitro, literalmente. Tudo aconteceu num jogo de futebol entre crianças, durante a visita do Presidente da República a São Tomé e Príncipe.

  • Dia de homenagens e muito futebol para Marcelo em São Tomé
    3:01

    País

    No segundo dia da visita de Estado a São Tomé e Príncipe, o Presidente da República prestou homenagem às vítimas do massacre de Batepá, em 1953. Marcelo Rebelo de Sousa não pediu desculpa pela história, mas lembrou que é preciso assumir as coisas menos boas do passado. O dia terminou com o Presidente a mostrar que ainda está em forma.

    Enviados SIC

  • Débito direto: não deixe que lhe tirem centenas de euros da conta
    7:11
  • Mais de 300 mortos em bombardeamentos de Bashar a Ghouta
    3:08

    Mundo

    Nos últimos três dias morreram mais de 300 civis, incluindo crianças, em Ghouta Oriental, na Síria. Alemanha e França exigem uma trégua imediata para que sejam retirados os civis, e António Guterres pede um cessar fogo de um mês. Alertamos para a violência de algumas imagens.

  • Imprensa espanhola considera Rúben Semedo a pior contratação de sempre do Villarreal
    3:35

    Desporto

    Rúben Semedo vai esta quinta-feira ser ouvido por um juiz de instrução, que vai ditar as medidas de coação no caso em que o jogador é suspeito de roubo, agressões e posse ilegal de arma. O defesa português do Villarreal passa mais uma noite nas instalações da Guardia Civil, em Valência. Alguns media espanhóis chamam-lhe agora a pior contratação de sempre da história do clube.

    Enviados SIC

  • Patinadora enfrenta "pesadelo" nos Olímpicos

    Desporto

    A patinadora Gabriella Papadakis enfrentou na segunda-feira um dos "piores pesadelos" da sua vida, durante a estreia nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Pyeongchang, na Coreia do Sul. Durante a apresentação, a parte de cima do vestido da francesa saiu do lugar e revelou parte do seu seio. Mas este não foi o único caso de incidentes com figurinos. Também a sul-coreana Yura Min quase ficou despida durante a sua apresentação.

    SIC

  • Novos protestos na Florida contra a lei das armas
    2:12
  • Pigcasso, a porca pintora que tem uma galeria de arte

    Mundo

    O nome sugere o talento da artista que vive na Cidade do Cabo, na África do Sul. Pigcasso estava prestes a morrer, quando foi resgatada por uma ativista que a ajudou a enveredar pelo caminho da pintura. Desde pequena começou a pegar em pincéis e agora é o primeiro animal do mundo com uma galeria de arte, onde já lançou a sua primeira exposição intitulada 'Oink!'.