sicnot

Perfil

Brexit

Brexit

Brexit

Líder do UKIP demite-se depois de 18 dias no cargo

A líder do Partido da Independência do Reino Unido (UKIP, na sigla em inglês), Diane James, demitiu-se do cargo, apenas 18 dias depois de ter sido eleita para substituir Nigel Farage, segundo fontes partidárias citadas pela imprensa britânica.

Diane James foi eleita líder da formação eurocética em 16 de setembro, depois de Farage -- uma das caras mais conhecidas da campanha pelo 'Brexit' -- se ter demitido a seguir à vitória em referendo da opção pela saída da União Europeia, dizendo que tinha cumprido a ambição da sua vida.

A Associação de Imprensa (Press Association), a Sky News e o jornal The Telegraph citaram fontes da direção do partido, dizendo que ela se tinha demitido, com as notícias a sugerirem que o teria feito devido aos problemas de saúde do marido.

Com 56 anos, James, que é eurodeputada, foi porta-voz do UKIP para o Interior e, em termos profissionais, foi uma executiva da área farmacêutica.

Desde que o UKIP foi cofundado por Farage, em 1993, cresceu até se tornar o terceiro maior partido britânico, em termos de votos, nas eleições legislativas de 2015, com 12,6%, mas só tem um deputado.

Lusa

  • Taxa de desemprego abaixo dos 10%

    Economia

    A taxa de desemprego em fevereiro ficou afinal nos 9,9%. O Instituto Nacional de Estatística reviu o indicador em baixa de 0,1 pontos percentuais, esta sexta-feira. É o valor mais baixo desde fevereiro de 2009.

  • Incêndio dominado em Gondomar
    4:25

    País

    Está dominado o incêndio que esta manhã obrigou à evacuação da Escola Secundária de São Pedro da Cova, no concelho de Gondomar. A repórter Susana Bastos esteve no local.

  • "Tanolas" tem cadastro criminal e já foi condenado a pena suspensa
    0:55
  • Montenegro nunca será candidato contra Passos
    0:50
    Quadratura do Círculo

    Quadratura do Círculo

    QUINTA-FEIRA 23:00

    Luís Montenegro garante que nunca será candidato à presidência do PSD contra o Passos Coelho. Convidado da Quadratura do Círculo, na SIC Notícias, o líder da bancada dos sociais-democratas acha mesmo que é um exagero dizer-se que Pedro Passos Coelho está politicamente morto.