sicnot

Perfil

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit / Eleições no Reino Unido

Brexit

Parlamento britânico aprovou Brexit em primeira votação

© Toby Melville / Reuters

Os deputados britânicos aprovaram esta quarta-feira por larga maioria, como previsto, o prosseguimento do exame do projeto-lei que autoriza o Governo a desencadear o processo de saída da União Europeia.

Os deputados aprovaram por 498 voos contra 114 o prosseguimento do estudo do projeto-lei, após ter sido rejeitada uma emenda do Partido Nacional Escocês (SNP) que solicitava que o projeto-lei não fosse analisado, designadamente pelo facto de o Governo conservador não ter previsto consultar os parlamentos regionais antes de ativar o artigo 50.º do Tratado de Lisboa que iniciará a separação com Bruxelas.

O SNP também alegou que o Executivo de Theresa May não publicou um "livro branco" sobre a estratégia a seguir, recusou fornecer garantias sobre a situação dos cidadãos da UE que vivem no Reino Unido" e não respondeu a um conjunto de questões sobre "as implicações de uma retirada do mercado único" europeu.

Antes da votação, Theresa May respondeu parcialmente às críticas anunciando que este "livro branco", exigido pela oposição trabalhista e aconselhado pela comissão parlamentar sobre o 'Brexit', seria publicado na quinta-feira.

Mesmo sem esta declaração de May, a emenda teria poucas hipóteses de sucesso pelo facto de o Partido Conservador dispor de uma curta maioria na Câmara baixa do parlamento e com o Partido Trabalhista, principal força da oposição, a anunciar que não bloquearia o projeto-lei.

Apesar de mais de dois terços dos deputados se terem declarado contrários ao 'Brexit' durante a campanha do referendo de 23 de junho, uma maioria considera agora que não se devem opor à decisão dos eleitores britânicos, que se pronunciaram por maioria (52%) pela saída da União Europeia no referendo de 23 de junho.

Lusa

  • Brexit discutido no Parlamento britânico
    1:14

    Brexit

    O Parlamento britânico começou esta terça-feira a discussão do projeto-lei para autorizar o Governo a ativar a saída do Reino Unido da União Europeia. Isto numa altura em que a primeira-ministra britânica está a ser alvo de contestação por causa do convite a Donald Trump para visitar o país. O projeto-lei deverá ser votado e aprovado em primeira leitura, esta quarta-feira.

  • Theresa May e restantes líderes do Reino Unido discutem o Brexit
    1:12

    Brexit

    A primeira-ministra britânica reuniu-se esta segunda-feira com os líderes dos Governos da Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte e garantiu que vai olhar com atenção para as propostas para o Brexit. O Governo escocês insiste que, se não for ouvido, vai mesmo avançar com um referendo para a independência.

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22