sicnot

Perfil

É Carnaval

É Carnaval

É Carnaval

Desfile das escolas de samba de Ovar cancelado

A organização do Carnaval de Ovar cancelou o desfile das escolas de samba previsto para esta noite, devido ao mau tempo, que obrigará a Câmara a reembolsar os 3937 bilhetes já vendidos para o corso.

SIC

Segundo informação avançada hoje à Lusa por fonte oficial da autarquia, não será alterada, contudo, a programação de concertos previstos para esta noite.

Os interessados poderão requerer o reembolso no balcão de Atendimento da Câmara Municipal de Ovar, de 10 a 19 de fevereiro, no período entre as 09:30 e as 16:00, bastando que para tal apresentem o bilhete em questão.

Em alternativa, a restituição desse valor pode também fazer-se por correio, nas mesmas datas, mediante envio do ingresso em questão para a sede da autarquia, com indicação da morada para a qual deverá ser remetido o respetivo cheque.

A mesma fonte da organização do Carnaval vareiro informa que, por enquanto, não foi definida uma segunda data para realização do desfile hoje cancelado.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.