sicnot

Perfil

Caso CGD

Caso CGD

Caso CGD

Paulo Macedo convidado para a presidência da CGD

Última Hora

A nova administração da Caixa Geral de Depósitos será apresentada esta sexta-feira ao Banco Central Europeu. O ex-ministro da Saúde, Paulo Macedo, foi convidado pelo Governo para a presidência do banco público.

A SIC sabe que o nome do gestor é visto como a solução mais apropriada e segura para gerir o banco público.

Recorde-se que Paulo Macedo recusou ontem confirmar se tinha recebido o convite do Executivo. Ao que a SIC apurou, o ex-ministro da Saúde já estará mesmo a formar equipa.

Fonte do Governo confirmou à SIC que "se não houver azares", os nomes da equipa seguirão para Frankfurt na sexta.

O primeiro-ministro, António Costa, disse esta semana que o novo presidente do banco público seria conhecido até ao fim da semana.

António Domingues renunciou ao cargo no domingo depois de uma polémica sobre os salários dos novos administradores e a obrigação de entregarem as declaraçoes de rendimentos e património.

Nos últimos dias, circularam várias noticias com o ainda presidente a queixar-se de falta de apoio político do executivo e da maioria de esquerda.

Costa lamentou a saída enquanto o Presidente da República subllinhou que o mais importante é o processo de recapitalização da Caixa.

  • Jorge Coelho alerta para urgência em encontrar nova equipa de gestão para a CGD
    2:11

    Quadratura do Círculo

    A Caixa Geral de Depósitos e a demissão de António Domingues voltaram a estar em debate no programa Quadratura do Círculo desta semana. Pacheco Pereira atribui responsabilidades ao Governo e sobretudo ao Ministério das Finanças. Jorge Coelho defende que a recapitalização não é posta em causa mas alerta para a urgência em encontrar uma nova equipa de gestão para o banco público. Lobo Xavier elogiou a atitude de António Domingues neste processo.

  • Constitucional não vai divulgar declarações até tomar uma decisão sobre o caso
    1:35

    Caso CGD

    O Tribunal Constitucional (TC) não vai tornar públicas as declarações de património dos gestores da Caixa enquanto não tomar uma decisão sobre se devem ou não ser apresentadas por todos. A administração da CGD diz que foi vítima de um turbilhão mediático, politicamente instrumentalizado. Na argumentação que os gestores fizeram chegar ao TC, consideram que foram alvos de julgamentos de carácter que atingiram o bom nome.

  • Governo considera que António Domingues nunca facilitou no processo da CGD
    3:30

    Caso CGD

    O Governo acha que António Domingues nunca facilitou no processo da Caixa Geral de Depósitos e, pelo contrário, até complicou, nomeadamente nas negociações com o BCE. As exigências do presidente da CGD terão ainda colocado o ministro das Finanças em rota de colisão com o Presidente da República, devido ao pedido de dispensa de entrega das declarações no Constitucional.

  • Francês detido em Antuérpia "queria matar"

    Mundo

    O Presidente de França François Hollande afirmou que o francês detido esta quinta-feira por conduzir um automóvel a grande velocidade na principal rua pedonal de Antuérpia, na Bélgica, "queria matar" ou "provocar um acontecimento dramático".

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa para receber dois beijos. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Letizia, uma rainha da nova geração
    2:01