sicnot

Perfil

Caso CGD

Carta mostra acordo entre Centeno e António Domingues

Carta mostra acordo entre Centeno e António Domingues

Uma carta mostra que António Domingues teria mesmo um acordo com Mário Centeno para não divulgar a declaração de património. O problema é que o ministro sempre negou a existência dessa promessa.

  • "Isto é uma trapalhada: mostra como Mário Centeno é um ministro que tem tido muitas fragilidades"
    6:12

    Caso CGD

    Continua a polémica em torno da demissão do antigo presidente da Caixa Geral de Depósitos e esta quarta-feira a troca de correspondência entre António Domingues e o ministro das Finanças animou o debate no Parlamento. Bernardo Ferrão considera que tudo "isto é uma trapalhada: mostra como Mário Centeno é um ministro que tem tido muitas fragilidades". Já António Costa saiu em defesa do seu ministro das Finanças, acusado pelos partidos de direita de ter mentido quando disse desconhecer as razões da saída do anterior presidente da Caixa Geral de Depósitos (CGD), António Domingues.

  • Economia portuguesa a crescer
    2:26
  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Embaixador do Bangladesh pede ajuda aos portugueses no caso dos rohingya

    Mundo

    O embaixador do Bangladesh em Lisboa pediu esta sexta-feira aos portugueses que ajudem a resolver o problema dos rohingya. Desde o final de agosto, mais de 400 mil pessoas desta minoria muçulmana fugiram de Myanmar, a antiga Birmânia. O Bangladesh já tinha acolhido outros 400 mil refugiados e vê-se agora a braços com esta crise migratória. Pede por isso a Portugal que pressione Myanmar para aceitar de volta e em segurança os rohingya.