sicnot

Perfil

Caso CGD

Caso CGD

Caso CGD

PSD e CDS avançam com nova Comissão de Inquérito à CGD

O PSD e o CDS-PP vão mesmo avançar com a constituição de uma nova comissão parlamentar de inquérito sobre o envolvimento do ministro das Finanças, Mário Centeno, na polémica da Caixa Geral de Depósitos.

PSD e CDS querem que a futura comissão averigue o período desde a negociação para a nomeação da anterior administração da Caixa Geral de Depósitos, presidida por António Domingues, até à demissão do gestor, na sequência da controvérsia com a entrega das declarações de rendimentos e património ao Tribunal Constitucional.

A iniciativa surge após a esquerda parlamentar ter inviabilizado esta semana a análise da troca de mensagens entre o ministro das Finanças e António Domingues na comissão parlamentar de inquérito à gestão da Caixa Geral de Depósitos que já está constituída.

A nova comissão de inquérito, requerida com caráter potestativo (obrigatório), visa, segundo o PSD e o CDS-PP, "perceber a quem mentiu o ministro Mário Centeno", adiantaram as mesmas fontes sem adiantarem mais explicações. Isto um dia depois do deputado do PSD José Matos Correia ter anunciado a demissão de presidente da comissão parlamentar de inquérito à CGD.

A constituição da nova comissão de inquérito pode ser imposta pela direita, por direito potestativo, mas, no limite, pode ser boicotada pelas bancadas à esquerda do hemiciclo, não indicando osdeputados para a integrar.

  • Marcelo e Costa tentam encerrar polémica das mensagens
    2:23

    Caso CGD

    Tanto o Presidente da República como o primeiro-ministro querem pôr uma pedra sobre a polémica entre Mário Centeno e António Domingues e dizem que o assunto está encerrado. Entretanto, o PS já veio demarcar-se das declarações feitas por João Galamba. O deputado disse na quinta-feira que Marcelo é tão responsável no caso da Caixa como o ministro das Finanças. Carlos César, presidente e líder parlamentar do PS, diz que Galamba não falou enquanto deputado ou porta-voz do partido.

  • "Só numa ditadura é possível tentar esconder o número de vítimas"
    0:51

    Tragédia em Pedrógão Grande

    O primeiro-ministro diz que é "lamentável" a tentativa de aproveitamento político à volta dos incêndios. António Costa esteve esta quarta-feira à tarde na Autoridade Nacional de Proteção Civil e, no final do briefing, disse que é preciso confiança nas instituições do Estado. O primeiro-ministro deixou ainda muitas críticas à oposição no caso da lista de vítimas de Pedrógão Grande.

  • Sociedade de Pneumologia recomenda cuidados com calor e incêndios

    País

    A Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP) alertou esta quarta-feira para os riscos respiratórios decorrentes dos incêndios e temperaturas elevadas, sobretudo para quem sofre de doenças crónicas, propondo medidas preventivas e recordando o aumento de mortalidade associado ao calor.

  • E os 10 mais ricos de Portugal são...

    Economia

    A família Amorim lidera a lista dos mais ricos do país, com uma fortuna avaliada em 3840 milhões de euros. Em segundo lugar surge Alexandre Soares dos Santos com 2532 milhões de euros. A família Guimarães de Mello ainda entra para o top 3, com um valor de 1471 milhões de euros. A lista foi elaborada pela revista EXAME, que conclui que os ricos estão ainda mais ricos, pela quarta vez consecutiva.

    Bárbara Ferreira

  • "Estou grávida! Estou a morrer!"
    1:14
  • Mulher vive sozinha numa ilha há 40 anos

    Mundo

    Zoe Lucas é a única pessoa a viver numa ilha canadiana, no norte do Atlântico. Nas últimas quatro décadas, a mulher de 67 tem partilhado a ilha Sable com cerca de 400 cavalos selvagens e 350 espécies de pássaros.