sicnot

Perfil

Caso CGD

PSD e CDS "não descansam enquanto não matarem a CGD"

PSD e CDS "não descansam enquanto não matarem a CGD"

O presidente e líder parlamentar do PS acusa a direita de dar importância a "mexericos que alimentam a guerrilha partidária". É a reação de Carlos César à nova comissão de inquérito à Caixa, iniciativa do PSD e CDS.

O PS avisou hoje PSD e CDS que pode recusar a criação de uma comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos (CGD) que não respeite a Constituição, a lei e os regulamentos do Parlamento.

Questionado por duas vezes sobre se o PS aceitaria a divulgação das SMS trocadas entre Mário Centeno e António Domingues numa eventual nova comissão de inquérito, depois de, com o PCP e o Bloco, ter recusado essa hipótese na comissão ainda em funções, César deu a mesma resposta: "o que for proposto no sentido do apuramento da verdade ou de qualquer circunstância que respeite a lei e a Constituição é aceite por nós. Aquilo que conflituar com a Constituição, a lei e os regulamentos da Assembleia não será aceite".

  • Quando se pode circular pela esquerda? A GNR explica (e fiscaliza)
    5:46

    Edição da Manhã

    A regra aplica-se a autoestradas e outras vias com esse perfil mas dentro das localidades há exceções. A Guarda Nacional Republicana está a promover em todo o território nacional várias ações de sensibilização e fiscalização no sentido de prevenir e reprimir a circulação de veículos pela via do meio ou da esquerda quando não exista tráfego nas vias da direita. O major Paulo Gomes, da GNR, esteve na Edição da Manhã. 

  • O pedido de desculpas de Dijsselbloem
    2:12

    Mundo

    O Governo português continua a mostrar a indignação que diz sentir perante as declarações do presidente do Eurogrupo. O ministro dos Negócios Estrangeiros português garante que com Dijsselbloem "não há conversa possível". Jeroen Dijsselbloem começou por recusar pedir desculpa mas depois cedeu perante a onda de indignação.

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41