sicnot

Perfil

Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo

"Não tenho dúvidas de que passarei à história do futebol"

O internacional português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, considerou-se hoje "um jogador especial" e seguro de que ficará "na história do futebol", porque os "números falam por si".

© Reuters Staff / Reuters

"Não tenho dúvidas de que passarei à história do futebol. Gostem ou não, os números falam por si. Estarei ali, agrado mais a uns do que a outros, mas não tenho dúvida de que já estou na história do futebol", disse o extremo, em entrevista à UEFA.

O jogador admitiu que, desde o início da sua carreira, na formação do Sporting, sempre teve a convicção de que poderia deixar uma marca.

"Sempre me achei um jogador especial, desde que comecei no Sporting. Senti que, mais tarde ou mais cedo, seria um grande jogador profissional", acrescentou o futebolista, capitão da seleção portuguesa.

Aos 31 anos, Cristiano Ronaldo reconhece que nunca pensou que tudo chegaria tão rápido, mas que sempre se preparou para isso, porque reconhecia o seu próprio talento e o potencial que tinha, desde o tempo em que estava nos 'leões'.

"Sempre trabalhei muito, acreditei no meu potencial quando estava no Sporting, no [Manchester] United e em Madrid. Cresci cada vez mais como jogador, pessoa e ser humano. Divirto-me com o meu trabalho", adiantou.

Na quarta-feira, na receção ao Manchester City, na segunda mão das meias-finais da Liga dos Campeões, Cristiano Ronaldo pode igualar ou ultrapassar a sua marca de máximo goleador numa edição da Liga dos Campeões, com 17 golos.

"É um privilégio saber que sou o melhor marcador de todos os tempos na Liga dos Campeões. Obviamente que me sinto feliz por tê-lo conseguido. É uma competição especial e que o Real Madrid [dez títulos] ama", explicou.

O jogador lembrou ainda que teve a felicidade de conquistar o troféu duas vezes (uma no Manchester United e outra no Real Madrid), e que quer mais: "oxalá seja novamente este ano".

Cristiano revelou que nunca olhou para outro jogador desejando segui-lo, mas que sempre olhou para a seleção nacional, na qual reconhece ter encontrado referências: "Fernando Couto, Rui Costa e Luís Figo, porque eram os maiores nomes no futebol português".

Lusa

  • Polémica "Supernanny" em debate hoje na SIC
    2:25
  • Será este o "momento mais Ronaldo" de sempre?

    Desporto

    Cristiano Ronaldo é protagonista de mais um momento que corre nas redes sociais. Depois de marcar o sexto golo do Real Madrid frente ao Desportivo da Corunha, o jogador português ficou ferido no rosto e foi obrigado a abandonar o campo. Mas antes, mesmo com a cara ensanguentada, pediu um telemóvel com "espelho" para ver a extensão do corte. Há quem brinque com a situação, dizendo que Ronaldo levou a sua obsessão com a sua imagem a um novo nível, mas há também quem desvalorize a situação.

    SIC

  • Democratas aceitam compromisso para acabar com shutdown nos EUA

    Mundo

    Os senadores democratas aceitaram esta segunda-feira um acordo orçamental provisório que vai permitir acabar com a paralisação parcial do Governo federal dos Estados Unidos, situação conhecida como shutdown, anunciou o líder da minoria democrata no Senado, Chuck Schumer.

  • Refeição de 1.100 euros em Veneza

    Mundo

    O centro de Veneza oferece os mais variados restaurantes. Com menu obrigatório, sem menu, com taxas, sem taxas, sentando ou em pé. Depois há aqueles restaurantes que cobram 1.100 euros por cinco pratos acompanhados por água. O caso aconteceu com quatro turistas japoneses, que depois de pagarem a conta, apresentaram queixa às autoridades. O presidente da Câmara da cidade italiana já disse que ia investigar a situação e, caso se confirmasse, prometeu que iria castigar os responsáveis.

    SIC