sicnot

Perfil

Caso das Viagens

"Tive conhecimento de um inquérito, nunca tive conhecimento de que ia ser constituído arguido"

"Tive conhecimento de um inquérito, nunca tive conhecimento de que ia ser constituído arguido"

O secretário de Estado dos Assuntos Fiscais demissionário diz que pediu a demissão do Governo para que o Ministério Público esclareça que não existiram ilegalidades, no caso das viagens ao Euro 2016 pagas pela Galp. Fernando Rocha Andrade garante que não sabia se seria constituído arguido e diz que se demitiu para se poder defender e por acreditar que está inocente.

  • Há mais um secretário de Estado de saída do Governo
    2:20

    País

    António Costa deverá terminar nos próximos dias a mini remodelação governamental que está em curso. Ao que a SIC apurou, há pelo menos mais um secretário de Estado de saída. Trata-se de Miguel Prata Roque, atual secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros. António Costa aproveita assim para fazer uma renovação mais profunda no Governo, depois de três secretários de Estado terem pedido para sair, agora que vão ser arguidos no caso das viagens pagas pela Galp durante o Euro2016.

  • "Como é que esta investigação demora um ano?"
    0:50

    Caso das Viagens

    Durante o comentário de segunda-feira, no Jornal da Noite, Miguel Sousa Tavares questionou como é que a investigação ao caso das viagens pagas pela Galp demorou um ano. O comentador da SIC critica o Ministério Público pela demora, dizendo que se fosse para arquivar demoraria apenas um dia, e se não, seria um mês. Isto porque os factos eram "públicos, notórios e confessados pelos próprios", ou seja, "não havia nada a apurar em matéria factual".

  • Sindicato considera atuação de Rocha Andrade "corajosa"
    2:28

    Caso das Viagens

    Fernando Rocha Andrade foi o principal rosto da polémica das viagens pagas pela Galp. O secretário de Estado era responsável pelos assuntos fiscais e mesmo assim aceitou o convite de uma empresa que mantinha um contencioso com o Estado na ordem dos 100 milhões de euros. Rocha Andrade ainda se manteve no cargo durante um ano, mas impedido de decidir matérias relacionadas com a Galp. Os sindicatos elogiaram a portura do secretário de Estado e consideraram a sua atuação "corajosa".

  • "A nossa lei tem demasiados buracos"
    0:44

    País

    Rui Cardoso acusa a classe política de não querer resolver os problemas da corrupção em Portugal. Entrevistado na Edição da Noite da SIC Notícias o magistrado do Ministério Público considera que ainda há um longo caminho a percorrer no combate à corrupção.

  • Salah Abdeslam deixa cadeira vazia na leitura da sua sentença
    2:05

    Mundo

    O único suspeito vivo dos ataques de Paris em 2015 foi esta segunda-feira condenado a 20 anos de prisão por um tribunal belga, num processo paralelo: um tiroteio em março de 2016, em Bruxelas. Tanto Salah Abdeslam como o cúmplice não quiseram estar na leitura da sentença. O julgamento de Salah Abdeslam pelos ataques de Paris só deverá acontecer no próximo ano, em França.

  • Beyoncé e a irmã caem e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.