sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

"Sinto-me muito feliz por ter salvado estas pessoas"

O segundo-comandante do navio King Jacob, que resgatou 22 dos sobreviventes do naufrágio de domingo no Mediterrâneo, disse hoje à Lusa que foram utilizadas cordas, boias e um barco pneumático para salvar os imigrantes. 

(AP/ Arquivo)

"Sinto-me muito feliz por ter salvado estas pessoas", afirmou o segundo-comandante do navio, o filipino Allan Lara, de 36 anos, contactado telefonicamente pela Lusa.  

Segundo Lara, depois de a embarcação se virar, os imigrantes desataram a nadar em direção ao seu navio, que se encontrava a poucos metros.

O navio mercante, de bandeira portuguesa, recebeu na madrugada de domingo um alerta das autoridades italianas para ir em auxílio da embarcação, que navegava na mesma zona do Mediterrâneo, a 70 milhas da costa da Líbia.

Segundo a procuradoria da Catânia (Sicília), que está a investigar o caso, a embarcação ao tentar aproximar-se do King Jacob colidiu com este e virou-se.

A bordo seguiam cerca de 800 pessoas indocumentadas, muitas delas trancadas no porão da embarcação, de acordo com os testemunhos de sobreviventes recolhidos pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

Os restantes seis sobreviventes foram resgatados pelas autoridades italianas, um deles, oriundo do Bangladesh, transportado de helicóptero diretamente para a Catânia devido ao estado de saúde. 

 A procuradoria da Catânia considera que o naufrágio ocorreu devido a erros de manobra do capitão da embarcação naufragada e aos movimentos de pânico das centenas de migrantes que lá se encontravam, ilibando o navio mercante de qualquer responsabilidade no naufrágio.

O King Jacob está agora a caminho do porto de Palermo, na Sicília, onde deverá atracar.








Lusa
  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lajes
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes.

  • Óscar do turismo para empresa que gere património de Sintra
    1:51

    Cultura

    A Parques de Sintra ganhou, pelo quarto ano consecutivo, os World Travel Awards na categoria de "Melhor Empresa de Conservação do Mundo". A empresa portuguesa, que gere monumentos, parques e jardins situados na zona da Paisagem Cultural de Sintra e em Queluz, voltou a ser a única nomeada europeia na categoria, e foi a vencedora entre candidatos de todo o mundo.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.