sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

"Sinto-me muito feliz por ter salvado estas pessoas"

O segundo-comandante do navio King Jacob, que resgatou 22 dos sobreviventes do naufrágio de domingo no Mediterrâneo, disse hoje à Lusa que foram utilizadas cordas, boias e um barco pneumático para salvar os imigrantes. 

(AP/ Arquivo)

"Sinto-me muito feliz por ter salvado estas pessoas", afirmou o segundo-comandante do navio, o filipino Allan Lara, de 36 anos, contactado telefonicamente pela Lusa.  

Segundo Lara, depois de a embarcação se virar, os imigrantes desataram a nadar em direção ao seu navio, que se encontrava a poucos metros.

O navio mercante, de bandeira portuguesa, recebeu na madrugada de domingo um alerta das autoridades italianas para ir em auxílio da embarcação, que navegava na mesma zona do Mediterrâneo, a 70 milhas da costa da Líbia.

Segundo a procuradoria da Catânia (Sicília), que está a investigar o caso, a embarcação ao tentar aproximar-se do King Jacob colidiu com este e virou-se.

A bordo seguiam cerca de 800 pessoas indocumentadas, muitas delas trancadas no porão da embarcação, de acordo com os testemunhos de sobreviventes recolhidos pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

Os restantes seis sobreviventes foram resgatados pelas autoridades italianas, um deles, oriundo do Bangladesh, transportado de helicóptero diretamente para a Catânia devido ao estado de saúde. 

 A procuradoria da Catânia considera que o naufrágio ocorreu devido a erros de manobra do capitão da embarcação naufragada e aos movimentos de pânico das centenas de migrantes que lá se encontravam, ilibando o navio mercante de qualquer responsabilidade no naufrágio.

O King Jacob está agora a caminho do porto de Palermo, na Sicília, onde deverá atracar.








Lusa
  • Japão ganha nova esperança ao derrotar a Colômbia (2-1)

    Mundial 2018 / Colômbia

    No primeiro jogo do grupo H, a Colômbia foi derrotada pelo Japão. Um dos momentos altos do jogo aconteceu logo ao minuto 4 quando, na sequência de uma falta de Carlos Sanchez, o árbitro assinalou um penálti a favor da equipa japonesa. O colombiano levou um cartão vermelho, depois de ter intercetado um remate do Japão com a mão. Apesar da desvantagem numérica, a Colômbia iguala o marcador aos 39 minutos com um livre de Quintero. Contudo, Yuya Osako colocou o Japão novamente em vantagem aos 73 min.

  • Hospitais públicos à beira da rutura
    2:28
  • Repitam comigo: Portugal vai ser campeão do Mundo
    4:56
  • OMS inclui dependência dos videojogos na lista de doenças mentais

    Mundo

    A Organização Mundial de Saúde (OMS) incluiu a dependência de videojogos na lista de doenças mentais, uma possibilidade que tinha sido prevista no início do ano e que foi anunciada esta segunda-feira. Este pode ser mais um argumento para os pais limitarem o tempo de acesso dos filhos às consolas, computadores e todos os dispositivos com videojogos.

    SIC

  • "Estou a ser posta porta fora (...) faço o que vocês me disserem"
    2:43
  • Morreu o orangotango mais velho do mundo

    Mundo

    O orangotango mais velho do mundo morreu aos 62 anos no jardim zoológico de Perth, no norte da Austrália, deixando 54 descendentes, anunciou esta terça-feira a instituição.

  • Milionários aumentam... e as suas fortunas também

    Mundo

    O número de milionários mundiais cresceu em 2017 e o seu nível de riqueza aumentou pelo sexto ano consecutivo, ultrapassando pela primeira vez os 70 biliões de dólares (60,5 biliões de euros), segundo um estudo divulgado esta terça-feira.