sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Marinha britânica resgata cerca de 500 pessoas ao largo de Itália

A marinha britânica socorreu este domingo cerca de 500 pessoas a bordo de quatro embarcações em perigo ao largo de Itália, cuja chegada eleva para mais de 50 mil o número de migrantes que desembarcaram este ano na costa italiana.

No sábado, cerca de 3500 imigrantes amontoados em 15 barcos foram resgatados a 45 milhas ao largo da Líbia, sem terem sido registadas vítimas. (Arquivo)

No sábado, cerca de 3500 imigrantes amontoados em 15 barcos foram resgatados a 45 milhas ao largo da Líbia, sem terem sido registadas vítimas. (Arquivo)

© Soe Zeya Tun / Reuters

Um helicóptero a bordo do navio da Marinha Real 'Bulwark', que faz parte da frota multinacional que patrulha o Mediterrâneo, avistou quatro barcos hoje de manhã nas águas territoriais entre a Líbia e a Itália, disse um porta-voz do Ministério da Defesa britânico, em Londres.

"O 'Bulwark' começou as operações de socorro para resgatar as pessoas que seguiam a bordo", acrescentou.

No sábado, cerca de 3500 imigrantes amontoados em 15 barcos foram resgatados a 45 milhas ao largo da Líbia, sem terem sido registadas vítimas.

A marinha italiana, que recolheu 475 migrantes na Sicília, indicou ter recebido no barco de resgate sete mulheres grávidas, que foram hospitalizadas à chegada.

A guarda costeira italiana informou que os fuzileiros navais italianos, alemães e irlandeses tinham feito parte da operação, coordenada pela Organização Não Governamental MOAS (Migrant Offshore Aid Station), com sede em Malta, e pelos Médicos Sem Fronteiras.

Com os migrantes resgatados neste fim de semana e com os que chegaram aos portos da Sicília e ao sul da Itália, o número de migrantes acolhidos desde o início do ano pelo país deverá exceder os 50.000, o que representa um aumento superior a 10% durante os primeiros cinco meses de 2015, em comparação com o mesmo período do ano passado.

Em 2014, desembarcaram na costa italiana 170 mil migrantes.

Segundo a Organização Internacional para as Migrações, cerca de 1.770 homens, mulheres e crianças morreram ou desapareceram ao tentar a travessia, incluindo cerca de 800 migrantes no naufrágio de um barco em abril, a pior tragédia das últimas décadas no Mediterrâneo.

A Comissão Europeia instou os Estados-Membros da UE a apoiarem 40.000 requerentes de asilo da Síria e da Eritreia que chegaram à Itália e à Grécia, em solidariedade com Roma e com Atenas, mas o pedido tem suscitado grandes reservas, nomeadamente em França.
Lusa
  • Marcar cedo e resistir (ou como Portugal venceu Marrocos)

    Mundial 2018 / Portugal

    A seleção nacional alcançou hoje a primeira vitória no Mundial 2018, frente a Marrocos, em Moscovo. Cristiano Ronaldo (outra vez) marcou logo aos quatro minutos. Depois, Portugal pouco mais fez senão aguentar as investidas dos marroquinos, que ficam desde já afastados dos oitavos de final.

  • Fernando Santos dá um puxão de orelhas à equipa
    1:57
  • E vão quatro de Ronaldo
    1:58
  • Ronaldo, o motivador
    3:23
  • Os "memes" do desempenho de Cristiano Ronaldo frente a Marrocos
    1:25
  • Cristiano Ronaldo: o melhor do jogo, o melhor do Mundial, o melhor do mundo

    Mundial 2018 / Portugal

    Apesar da prestação de Rui Patrício na defesa da baliza lusa, Cristiano Ronaldo foi eleito o homem do jogo, pela segunda vez consecutiva, depois de marcar o golo que deu a vitória a Portugal frente a Marrocos. O capitão português ofereceu à equipa os três pontos essenciais para a eventual passagem aos oitavos de final. Mas Ronaldo não fica por aqui. Contas feitas, CR7 é o melhor marcador do Mundial (4 golos em 2 jogos) e já marcou 85 golos por Portugal, feito nunca antes alcançado nem por Eusébio nem por Pauleta. No auge dos 33 anos, há quem diga que Ronaldo "é como o vinho do Porto". Será que ainda vai chegar à marca dos 100? Parece que, para o CR7, nada é impossível.

  • Parecia que Rui Patrício tinha cola nas luvas
    5:40
  • Os momentos descontraídos dos jogadores que estão no Mundial
    1:54
  • Selecionador de Marrocos queixa-se da arbitragem
    1:41
  • Georgina Rodriguez assistiu ao jogo de Portugal e acenou a Ronaldo
    1:05
  • Ronaldo no País dos Sovietes: O humor russo
    1:32
  • Schulz responde a Trump: "é um especialista em estatísticas criminais"

    Mundo

    "Donald Trump é um especialista em estatísticas criminais: pagamentos a estrelas porno, contactos ilegais com russos e diretores de campanha presos". Foi assim que o deputado alemão Martin Schulz respondeu ao Presidente norte-americano, depois de este ter afirmado várias vezes que a criminalidade na Alemanha aumentou devido à imigração.

    SIC

  • "Vou pedir a alguém que dê esta notícia por mim". Jornalista emociona-se com o caso dos bebés mexicanos separados das famílias
    0:49