sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Resgatados 369 migrantes no Mediterrâneo

Chegaram hoje 369 pessoas ao porto de Pozzallo, em Sicília, depois de terem sido resgatadas do Mar Mediterrâneo pela guarda costeira italiana. De acordo com as autoridades, os migrantes têm nacionalidade eritreia mas viriam da Líbia.

© Antonio Parrinello / Reuters

O grupo incluía várias mulheres e crianças e todos os tripulantes apresentam condições estáveis de saúde.

As 369 pessoas seguiam em nove barcos de borracha e quatro barcos de pesca de madeira, que foram interceptados entre a Líbia e Sicília.

Só nos últimos dois dias, a guarda costeira salvou do mar mais de 2.700 migrantes.

  • Confrontos entre gangues rivais na prisão brasileira de Natal

    Mundo

    Dois gangues rivais entraram em confronto na Penitenciária de Alcaçuz, a mesma onde morreram 26 presos num motim esta semana, avança a agência France Press. O site da Globo refere que há um morto e sete feridos. O Exército já foi chamado a intervir.

    Em desenvolvimento

  • As crianças e o frio. O que vestir
    1:58

    País

    O médico Pedro Ribeiro da Silva, da Direção-Geral da Saúde, aconselha especial cuidado com as extremidades do corpo - usar luvas e gorros. E demasiado agasalhadas pode levá-as a transpirar mais e, consequentemente, desidratar.

  • Transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos
    2:32

    Economia

    Os transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos já a partir do próximo mês e a poupança nos passes combinados pode chegar até aos 12 euros por mês. Para além disso, foram criados 1280 lugares de estacionamento gratuito junto às estações da CP e Governo reafirma ainda que a linha será alvo de obras de melhoramentos este ano. Em 2016 passaram pela linha de Cascais 25 milhões de passageiros, mais 2,9% que no ano anterior.

  • Edíficio histórico de Teerão desmorona-se durante incêndio
    1:20
  • Cantora da Lambada encontrada morta carbonizada

    Cultura

    A cantora brasileira Loalwa Braz Vieira, ícone da Lambada do fim dos anos 80 e intérprete da música "Chorando se foi", foi encontrada morta num carro incendiado em Saquarema, Rio de Janeiro. A notícia é avançada pela Globo.