sicnot

Perfil

Crise Migratória na Europa

ONU acusa Grécia de falta de liderança para enfrentar crise dos refugiados

ONU acusa Grécia de falta de liderança para enfrentar crise dos refugiados

Desde o início do ano, já chegaram à Grécia, pelo Mar Mediterrâneo, cerca de 160 mil imigrantes e refugiados. Os dados foram esta terça-feira divulgados pela ONU, que acrescenta que houve um aumento significativo nas últimas semanas. Só no mês passado, chegaram mais de 50 mil pessoas por mar. Pela via terrestre, através da fronteira com a Turquia, entraram na Grécia mais de 1700 até ao final de julho. No total, foram quase 17 mil sírios, seguidos de mais de 2800 afegãos e mais de 580 iraquianos. A Agência das Nações Unidas para os Refugiados alerta para uma crise sem fim. O porta-voz William Spindler acusa a Grécia de falta de liderança para enfrentar a chegada de migrantes ao país e a União europeia de não apoiar Atenas.

  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC