sicnot

Perfil

Crise Migratória na Europa

Primeiro-ministro húngaro responsabiliza Alemanha pela crise dos refugiados

Primeiro-ministro húngaro responsabiliza Alemanha pela crise dos refugiados

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, apela a que os países europeus acolham, pelo menos, 100 mil refugiados, aliviando a pressão sobre a Itália, Grécia e Hungria. Já o primeiro-ministro húngaro diz que o sistema de quotas, defendido pela Alemanha e França para distribuir refugiados, é uma ilusão e vai fazer mais vítimas. Um problema que, segundo Viktor Orbán, é principalmente alemão.

  • Governo húngaro tentou enganar refugiados que esperavam em Budapeste
    3:00

    Crise Migratória na Europa

    O Governo húngaro tentou enganar centenas de refugiados que há dois dias aguardavam na estação ferroviária de Budapeste. Dois comboios, que os passageiros acreditavam ter como destino a fronteira com a Áustria, foram mandados parar a meio do percurso. A bordo, seguiam também elementos do corpo de intervenção, que pretendiam forçar os passageiros a seguir para um campo de refugiados.

  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC