sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Camané, Dead Combo e Sérgio Godinho em concerto solidário pelos refugiados em Lisboa

Sérgio Godinho, Jorge Palma, Camané e Dead Combo são alguns dos artistas que participarão no dia 28 num concerto no Teatro Municipal São Luiz, em Lisboa, de angariação de fundos para apoiar acolhimento de refugiados em Portugal.

O fadista Camané será um dos convidados da mostra.

O fadista Camané será um dos convidados da mostra.

Aquele teatro municipal anunciou hoje que este concerto solidário contará ainda com atuações das cantoras Sara Tavares, Cristina Branco, Márcia e Rita Redshoes e dos músicos Carlos Mendes, Samuel Úria e Carlão.

As receitas de bilheteira do espectáculo "Lisboa acolhe" reverterão na totalidade a favor das associações envolvidas na operação de acolhimento de refugiados em Portugal.

Além deste concerto, em Lisboa também a Companhia Chapitô e o Teatro da Trindade tinham já anunciado que vão apresentar o espetáculo solidário "Édipo" no dia 24, com a receita a ser entregue às instituições que prestarem apoio aos refugiados.

A Plataforma de Apoio aos Refugiados anunciou na semana passada que até ao final deste mês terá um levantamento das instituições disponíveis para acolher migrantes e que também se comprometam a apoiar o acesso a saúde, educação e trabalho.

Portugal vai receber pelo menos 3.074 refugiados, no âmbito da recolocação de mais 120.000 pessoas por todos os Estados-membros anunciada na semana passada pelo presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker.

Segundo os números divulgados, Portugal vai acolher 400 refugiados que se encontram atualmente em Itália, mais 1.291 que estão na Grécia e 1.383 que chegaram à Hungria.

Dezenas de municípios portugueses manifestaram já vontade de receberem refugiados, maioritariamente originários da Síria, em coordenação com entidades locais e nacionais, como o Conselho Português para os Refugiados e a Cruz Vermelha.

Lusa

  • Três letras de Zeca Afonso

    Cultura

    No dia em que se assinalam 30 anos da morte de Zeca Afonso, Raquel Marinho, jornalista da SIC e divulgadora de poesia portuguesa contemporânea, escolhe três letras do cantor e autor para dizer, em forma de homenagem.

    Raquel Marinho

  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.