sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Milhares de refugiados atravessaram fronteira entre Hungria e Áustria

Alguns milhares de refugiados do Médio Oriente atravessaram esta madrugada a fronteira entre a Hungria e a Áustria, informaram hoje as autoridades austríacas.

© Ognen Teofilovski / Reuters


Os migrantes foram transportados em autocarros húngaros ao posto fronteiriço de Heiligenkreuz, no sul da Áustria, segundo a polícia regional de Burgenland.

Durante todo o dia de hoje, estas pessoas deverão ser levadas para Viena e Graz, de onde podem prosseguir a sua viagem para a Alemanha.

As autoridades esperam que hoje cheguem "vários milhares" de refugiados, mas do país vizinho, segundo a agência de notícias austríaca APA.

Depois de ter atingido o seu ponto máximo na passada segunda-feira com quase 20.000 pessoas, a onda de refugiados que atravessou a Áustria nas últimas semanas abrandou, após o encerramento da fronteira entre a Hungria e a Sérvia.

Desde então, os refugiados foram desviados para a Croácia, onde em menos de três dias chegaram mais de 17.000 pessoas.

Dada a recusa das autoridades eslovenas em deixá-los passar para a Áustria, a Croácia enviou na sexta-feira milhares de refugiados em autocarros e comboios para a Hungria, de onde foram tranportados para a Áustria.

No posto fronteiriço de Nickelsdor, que foi o epicentro da onda migratória na Áustria nas últimas semanas, são esperados também hoje milhares de refugiados.

Lusa

  • A SIC foi dar uma volta de bicicleta

    País

    Há 90 anos, cerca de 40 ciclistas partiam do Marquês de Pombal, em Lisboa, para a primeira etapa da 1.ª Volta a Portugal de Bicicleta. Hoje, um grupo de investigadores repete o percurso, até Setúbal, dando início a uma viagem que pretende incentivar o uso da bicicleta como meio de transporte no dia-a-dia. Um jornalista da SIC segue no pelotão e pode acompanhar a viagem em direto no Facebook da SIC Notícias.

    Em atualização

    SIC

  • Portugal perde 22 mil empregos por ano por causa da pirataria
    1:52

    País

    Todos os anos, Portugal perde cerca de mil milhões de euros e mais de 22 mil empregos por causa à pirataria. Hoje assinala-se o dia mundial da propriedade intelectual. Uma área que diz respeito a todas as formas de arte e, entre outras, ao jornalismo.