sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

UE volta a tentar hoje acordo sobre recolocação de refugiados

Os ministros dos Assuntos Internos da União Europeia voltam a reunir-se hoje, em Bruxelas, em busca de um acordo sobre o programa de recolocação de refugiados sírios nos Estados-membros, um dia antes de uma cimeira extraordinária de líderes europeus.

© Antonio Bronic / Reuters

Na anterior reunião ministerial, a 14 de setembro, os 28 adotaram formalmente o plano de recolocação de 40 mil refugiados que chegaram a Itália e Grécia -- sobre o qual já havia acordo político desde julho -, mas, relativamente à nova proposta colocada sobre a mesa pela Comissão Europeia, de reinstalação de mais 120 mil refugiados, foram incapazes de se entender, motivando este novo encontro, assim como um Conselho Europeu extraordinário, ao nível de chefes de Estado e de Governo, que terá lugar já na quarta-feira, e que se espera que seja decisivo.

Já descartado parece estar um sistema de quotas obrigatório -- como constava da ideia original do executivo comunitário -, recusado com veemência por países como Hungria, Polónia, República Checa e Eslováquia, que voltaram a encontrar-se na segunda-feira, em Praga, e a opor-se à repartição proposta por Bruxelas, embora garantam que trabalharão para um "acordo comum".

Portugal estará representado na reunião de hoje pela ministra da Administração Interna, Anabela Rodrigues, que na semana passada indicou em Bruxelas que o Governo respondeu favoravelmente à proposta da Comissão, que atribui a Portugal uma "quota" de cerca de 3.000 refugiados (além dos 1.500 previstos no quadro do plano de recolocação de 40 mil pessoas com necessidade de proteção internacional).

Lusa

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Dezenas de mortos em bombardeamentos do Daesh em Mossul

    Daesh

    Dezenas de civis, entre os quais várias crianças, morreram e outros ficaram feridos em ataques de morteiro efetuados pelo grupo extremista Daesh em Mossul, disse à agência Efe o vice-comandante das forças antiterroristas iraquianas.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.