sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Novas tensões na Holanda após ataque a centro de acolhimento

A polícia holandesa interrogou hoje os presumíveis autores de um ataque contra um centro de refugiados, denunciado pelo primeiro-ministro Mark Rutte como um ato "cobarde" e "inaceitável".

© Fotis Plegas G / Reuters

Cerce de 20 homens, vestidos de negro e com o rosto encoberto, atingiram com ovos e foguetes luminosos o centro desportivo da cidade de Woerden (centro), sem fazer vítimas.

Os atacantes, com idades entre os 19 e os 30 anos, foram posteriormente presos pela polícia e interrogados hoje.

O primeiro-ministro deslocou-se no sábado ao centro, que acolhe temporariamente 150 refugiados, incluindo 51 crianças.

"Este ataque cobarde é totalmente inaceitável", declarou o primeiro-ministro na sua página do Facebook, acrescentando que os refugiados estavam "em choque" devido ao incidente. Prometeu ainda que os autores serão severamente punidos.

O atentado ocorreu num momento em que aumentam as tensões na Holanda relacionadas com o acolhimento de milhares de refugiados, de acordo com o sistema de repartição decidido pela União Europeia (UE). Nos próximos dois anos, o país deve receber 7.000 pessoas.

Na semana passada, uma multidão em cólera na cidade de Oranje tentou bloquear a viatura do ministro-adjunto da Justiça, Klaas Dijkhoff, que acabava de anunciar que esta pequena localidade deveria acolher cerca de 1.200 refugiados, mais do dobro que o inicialmente previsto.

Uma mulher ficou ferida e foi hospitalizada, após se ter lançado em direção ao automóvel do membro do Governo.

Diversos responsáveis camarários reagiram severamente à decisão do Governo de instalar provisoriamente os refugiados nas suas localidades, afirmando que o poder central tomou a decisão sem os consultar.

Uma sondagem hoje publicada no De Telegraf sugere que o partido de extrema-direita PVV (Partido da Liberdade) de Geert Wilders está a beneficiar com a crise dos refugiados, e poderia obter agora 35 dos 150 lugares da câmara baixa (parlamento).

Nas últimas legislativas em 2012, o PVV garantiu 15 lugares no hemiciclo.

Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.