sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Evacuado último acampamento de migrantes em Paris

Mais de 700 migrantes começaram hoje a ser retirados de uma escola desativada em Paris onde estavam a viver desde o verão em condições insalubres, sendo agora transportados para abrigos.

© Philippe Wojazer / Reuters

A operação, que contou com um forte dispositivo de segurança, decorreu de forma pacífica, com o acompanhamento de assistentes sociais e de agentes dos serviços de imigração.

Segundo a AFP, 26 autocarros foram mobilizados para os transportar para os 900 espaços de acolhimento.

O edifício escolar foi ocupado a 31 de julho por migrantes, com a população a crescer rapidamente: de uma centena em agosto, passaram a 700 em setembro, a maioria homens sudaneses, afegãos e eritreus, mas também algumas mulheres.

A 26 de setembro, a Justiça deu um mês aos ocupantes para abandonarem o local.

Esta escola acolhia o último grande acampamento de migrantes em Paris, após a evacuação de uma linha de metro de superfície no norte da capital, no início de junho, e de uma zona junto à estação de Austerlitz, em setembro. Desde então, cerca de 2.200 pessoas foram alojadas pelo Estado.

Lusa

  • Negócios do fogo
    22:00

    Reportagem Especial

    Todos os anos, o Estado gasta centenas de milhões de euros para financiar os meios de combate aos incêndios. A reportagem especial da SIC denuncia falta de rigor e clareza em muitos dos negócios.

  • Porque têm as tempestades nomes?
    0:49

    País

    As tempestades passaram a ter um nome, partilhado pelos serviços de meteorologia de Portugal, França e Espanha. Nuno Moreira, chefe de divisão de previsão meteorológica do IPMA, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias para explicar que este método é também uma forma de sinalizar a dimensão das tempestades.

  • "Não podemos gastar o dinheiro e depois os filhos e os netos é que pagam"
    2:05

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o reembolso antecipado ao FMI. O comentador da SIC defendeu que seria mais vantajoso se Portugal reembolsasse mais depressa, antes da subida das taxas de juro. Miguel Sousa Tavares considerou ainda que o reembolso da dívida é uma boa notícia, pois seria "desleal" deixar a dívida para "os filhos e os netos" pagarem.

    Miguel Sousa Tavares

  • Os efeitos da tempestade Ana em Portugal
    1:43
  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59

    Mundo

    A tempestade Ana não causou apenas estragos em Portugal, mas também na Galiza, com a queda de árvores e cheias nas zonas ribeirinhas. No norte da Europa, as baixas temperaturas provocaram fortes nevões e paralisaram a Grã-Bretanha, com voos cancelados, escolas fechadas e estradas cortadas.