sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Líderes dos Balcãs e Comissão Europeia reúnem-se hoje em Bruxelas

A Comissão Europeia e líderes de 10 países reúnem-se hoje em Bruxelas para tentar definir medidas operacionais de resposta à crise dos refugiados na região dos Balcãs.

© Ognen Teofilovski / Reuters

A minicimeira, convocada pelo presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, contará com a presença de dirigentes da Áustria, Bulgária, Croácia, Alemanha, Grécia, Hungria, Roménia, Eslovénia e ainda da Antiga República Jugoslava da Macedónia e da Sérvia, dois países que não são membros da União Europeia.

Estarão igualmente presentes o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, a presidência luxemburguesa da União Europeia, o Alto-comissário das Nações Unidas para os Refugiados, António Guterres, a Agência europeia de vigilância das fronteiras (Frontex) e a Agência europeia para o asilo (EASO).

Juncker convocou a reunião considerando que "as semanas passadas demonstraram que o desafio não pode ser resolvido através de ações nacionais".

O executivo europeu pretende ver acordadas medidas operacionais, que sejam imediatamente executadas, face à situação de emergência vivida, em especial, no sudeste dos Balcãs.

Na terça-feira a União Europeia (UE) apelou para ajuda à Eslovénia, que após a instalação de barreiras anti-imigrantes pela Hungria se tornou, com a Sérvia e a Croácia, um dos principais países de trânsito dos migrantes que tentam alcançar o norte da Europa.

A UE, confrontada com a pior crise migratória desde o final da Segunda Guerra mundial, permanece dividida sobre a forma de responder ao fluxo de refugiados.

Lusa

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40

    Economia

    Carlos Moedas diz que Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas a propósito da saída do procedimento por défice excessivo. Em entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, o comissário europeu levanta dúvidas sobre a renegociação da dívida e garante que a escolha de Mário Centeno para a liderança do Eurogrupo vai depender do entendimento dos países do euro.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.