sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Cimeira euro-africana encerra com solidariedade e repatriamento na agenda

O último dia da cimeira euro-africana sobre migrações, que hoje termina em La Valletta, deverá continuar a centrar-se no apelo ao trabalho comum e a solidariedade, bem como o reforço do processo de repatriamento/reintegração.

A reunião de dois dias na capital de Malta conta com a presença de mais de 60 líderes da União Europeia e de países africanos

A reunião de dois dias na capital de Malta conta com a presença de mais de 60 líderes da União Europeia e de países africanos

© Yves Herman / Reuters

Com a presença de mais de 60 líderes da União Europeia e de países africanos, a reunião de dois dias na capital de Malta tem por objetivo chegar a uma declaração política e a um plano de ação conjunta para responder à crise dos refugiados.

Portugal está representado na cimeira pelo ministro dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete.

Entre os países africanos de língua oficial portuguesa está presente o Presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, e a secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros da Guiné-Bissau, Suzy Barbosa.

Esta reunião deverá terminar à hora de almoço, seguindo-se logo de seguida uma cimeira europeia informal.

Com a instabilidade política em Portugal, o primeiro-ministro do governo em gestão, Pedro Passos Coelho, não marcará presença, estando previsto o envio de uma carta com as posições nacionais.

Lusa

  • MIT quer humanos a ajudar máquinas a decidir (quem morre)

    Mundo

    A "Máquina Moral" é uma plataforma online que recolhe a perspetiva humana em decisões que terão de ser tomadas por uma máquina. Por exemplo, quando um carro sem condutor se depara com o dilema do mal menor: em quem acertar - para evitar outros - num acidente de viação.

  • Daesh transforma drones em bombardeiros 

    Daesh

    As estratégias de combate do Daesh têm vindo a sofrer alterações, bem como a capacidade das forças militares iraquianas para confrontar e derrotar o inimigo. De acordo com o responsável do Exército dos EUA Brett Sylvia, comandante militar no Iraque, a tática mais recente desenvolvida pelo Daesh consiste em usar drones de uso comercial em pequenos bombardeiros, capazes de transportar e lançar granadas.