sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Banksy usa história de Steve Jobs para alertar para crise migratória

Um novo grafiti de Banksy foi descoberto numa parede no campo de refugiados de Calais, conhecido como "A Selva". O britânico, cuja identidade é desconhecida, quer chamar a atenção para a questão dos refugiados num dos locais mais problemáticos da Europa.

Na "Selva" de Calais, Banksy relembra que a Apple só existe porque os EUA deixaram um dia entrar um rapaz oriundo de Homs, Síria - o pai de Steve Jobs.

Na "Selva" de Calais, Banksy relembra que a Apple só existe porque os EUA deixaram um dia entrar um rapaz oriundo de Homs, Síria - o pai de Steve Jobs.

banksy.co.uk

O mural retrata o fundador da Apple, Steve Jobs, com um saco de lixo preto ao ombro e um dos primeiros computadores Apple noutra mão. Referência ao passado de Jobs, filho de um migrante sírio que foi para os Estados Unidos após a IIª Guerra Mundial.

Numa rara declaração a acompanhar a obra, o artista urbano sublinha: "somos muitas vezes levados a acreditar que a imigração suga todos os recursos de um país, mas Steve Jobs era filho de um migrante sírio. A Apple é uma das empresas com maior lucro do mundo, paga mais de 7 mil milhões de dólares por ano em impostos - e apenas existe porque os EUA deixaram um dia entrar um rapaz oriundo de Homs, Síria".

Este último grafiti faz parte de uma série de murais que o artista tem feito em Calais para alertar para a crise migratória, mas prossegue outros projetos para avivar as consciências sociais. O parque temático temporário que criou e que encerrou em setembro, "Dismaland", tem sido ainda aproveitado. As infraestruturas estão a ser utilizadas para construir abrigos para os 7 mil migrantes que se encontram em Calais, sobretudo sírios, eritreus e afegãos.

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.