sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Segundo grupo de refugiados deve chegar a Portugal no fim de janeiro

A nova diretora nacional do SEF, Luísa Maia Gonçalves, disse hoje que um segundo grupo de refugiados, vindos de centros de acolhimento da Grécia e Itália, deverá chegar a Portugal no final do mês de janeiro.

© Umit Bektas / Reuters

Sem avançar uma data definitiva e especificar o número, Luísa Maia Gonçalves adiantou que Portugal deverá receber "mais alguns refugiados" no final do mês de janeiro.

"Não há datas definidas, mas, em princípio, talvez no final do mês possam vir mais alguns", disse aos jornalistas a diretora nacional do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, no final da sua tomada de posse.

O primeiro grupo de refugiados, composto por 24 pessoas, também provenientes de centros de acolhimento de Itália e Grécia, chegou a Portugal a 17 de dezembro.

Ao abrigo do Programa de Relocalização de Refugiados da União Europeia (UE), definido em setembro de 2015, Portugal disponibilizou-se para acolher cerca de 4.500, tendo apenas chegado esse primeiro grupo de 24 refugiados.

A diretora do SEF afirmou que o atraso na recolocação dos refugiados "não é da responsabilidade de Portugal", existindo normas sobre a forma como transitam dos "chamados pontos quentes" para os estados-membros.

"O processamento é feito de acordo com as regras da União Europeia, não é Portugal que as define é a UE e há procedimentos que são acautelados e que são tidos em conta nesta situação humanitária", sustentou.

Lusa

  • Debate quinzenal com o primeiro-ministro

    País

    A situação económica e financeira foi o tema escolhido pelo Governo, mas a polémica da descida da Taxa Social Única dominará certamente a discussão na Assembleia da República. Veja aqui em direto e participe no Minuto a Minuto Parlamento Global/SIC.

    Direto

  • MIT quer humanos a ajudar máquinas a decidir (quem morre)

    Mundo

    A "Máquina Moral" é uma plataforma online que recolhe a perspetiva humana em decisões que terão de ser tomadas por uma máquina. Por exemplo, quando um carro sem condutor se depara com o dilema do mal menor: em quem acertar - para evitar outros - num acidente de viação.

  • Daesh transforma drones em bombardeiros 

    Daesh

    As estratégias de combate do Daesh têm vindo a sofrer alterações, bem como a capacidade das forças militares iraquianas para confrontar e derrotar o inimigo. De acordo com o responsável do Exército dos EUA Brett Sylvia, comandante militar no Iraque, a tática mais recente desenvolvida pelo Daesh consiste em usar drones de uso comercial em pequenos bombardeiros, capazes de transportar e lançar granadas.