sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Suécia detém grupo suspeito de planear ataque a centro de refugiados

A polícia da Suécia anunciou hoje a detenção de um grupo de 14 homens suspeito de planear um ataque a um centro de refugiados.

A Suécia estima receber em 2016 mais 140 mil candidatos a asilo.

A Suécia estima receber em 2016 mais 140 mil candidatos a asilo.

© TT News Agency / Reuters

A polícia indicou que as detenções foram feitas na segunda-feira, depois de ter recebido uma informação sobre um ataque em preparação contra o centro de acolhimento de migrantes de Nynashamn, cerca de 60 quilómetros a sul de Estocolmo.

Nos automóveis de vários dos suspeitos a polícia encontrou machados, facas e tubos de ferro.

Segundo a imprensa sueca, os suspeitos tinham todos documentos de identificação estrangeiros e, segundo o diário Aftonbladet, alguns eram cidadãos polacos residentes na Suécia.

Um porta-voz da polícia, Hesam Akbari, recusou dar informações sobre a nacionalidade dos suspeitos.

Em janeiro, dezenas de homens encapuzados, que as autoridades pensam serem 'hooligans' ou membros de grupos neonazis, distribuíram panfletos no centro de Estocolmo apelando para ataques contra migrantes.

A Suécia recebeu cerca de 163 mil pedidos de asilo em 2015.

À semelhança de outros países da União Europeia, que se confronta com a maior vaga de refugiados desde a II Guerra Mundial, o executivo apertou as regras para a concessão de asilo, na tentativa de desencorajar novas chegadas.

Por outro lado, as autoridades têm manifestado crescente preocupação com as condições de segurança dos centros de acolhimento de refugiados, na sua maioria sobrelotados.

As medidas de segurança foram reforçadas depois de, em janeiro, uma funcionária de um centro para menores ter sido esfaqueada mortalmente.

A Suécia estima receber em 2016 mais 140 mil candidatos a asilo.

Lusa

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.