sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Suécia detém grupo suspeito de planear ataque a centro de refugiados

A polícia da Suécia anunciou hoje a detenção de um grupo de 14 homens suspeito de planear um ataque a um centro de refugiados.

A Suécia estima receber em 2016 mais 140 mil candidatos a asilo.

A Suécia estima receber em 2016 mais 140 mil candidatos a asilo.

© TT News Agency / Reuters

A polícia indicou que as detenções foram feitas na segunda-feira, depois de ter recebido uma informação sobre um ataque em preparação contra o centro de acolhimento de migrantes de Nynashamn, cerca de 60 quilómetros a sul de Estocolmo.

Nos automóveis de vários dos suspeitos a polícia encontrou machados, facas e tubos de ferro.

Segundo a imprensa sueca, os suspeitos tinham todos documentos de identificação estrangeiros e, segundo o diário Aftonbladet, alguns eram cidadãos polacos residentes na Suécia.

Um porta-voz da polícia, Hesam Akbari, recusou dar informações sobre a nacionalidade dos suspeitos.

Em janeiro, dezenas de homens encapuzados, que as autoridades pensam serem 'hooligans' ou membros de grupos neonazis, distribuíram panfletos no centro de Estocolmo apelando para ataques contra migrantes.

A Suécia recebeu cerca de 163 mil pedidos de asilo em 2015.

À semelhança de outros países da União Europeia, que se confronta com a maior vaga de refugiados desde a II Guerra Mundial, o executivo apertou as regras para a concessão de asilo, na tentativa de desencorajar novas chegadas.

Por outro lado, as autoridades têm manifestado crescente preocupação com as condições de segurança dos centros de acolhimento de refugiados, na sua maioria sobrelotados.

As medidas de segurança foram reforçadas depois de, em janeiro, uma funcionária de um centro para menores ter sido esfaqueada mortalmente.

A Suécia estima receber em 2016 mais 140 mil candidatos a asilo.

Lusa

  • Principais factos da acusação no caso BPN dados como provados

    País

    O coletivo de juízes responsável pelo julgamento do processo principal do caso BPN, liderado por Luis Ribeiro, deu início à leitura do acórdão pelas 10:30, com quatro arguidos ausentes do tribunal, entre os quais Oliveira Costa. Os principais factos da acusação são dados como provados, mas a leitura deverá demorar algumas horas

  • Autódromo do Estoril está ilegal há 45 anos

    Desporto

    De acordo com o Público este equipamento desportivo, inaugurado na década de 70, não tem licença de construção nem de utilização. Uma notícia que apanhou de surpresa o executivo camarário de Cascais, liderado por Carlos Carreiras.

  • Seca na Bacia do Sado exige restrições ao uso da água no Alentejo

    País

    A Agência Portuguesa do Ambiente aprovou hoje um conjunto de medidas para gestão dos recursos hídricos, definindo medidas específicas para a bacia hidrográfica do Sado, a única que se encontra em situação de seca. Além da diminuição de regas em hortas e jardins, a APA recomenda o encerramento das fontes decorativas, a proibição de encher piscinas e de lavagem de automóveis.