sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Ministros dos 28 voltam a reunir-se hoje com Schengen na agenda

A livre circulação dentro do espaço Schengen, no âmbito da crise dos refugiados, e a criação da guarda europeia costeira dominam a agenda de hoje da reunião de ministros da União Europeia da Justiça e do Interior, em Bruxelas.

© Yannis Behrakis / Reuters

Com início marcado para as 10:00 locais (09:00 de Lisboa) e sob a presidência do ministro para as Migrações holandês, Klaas Dijkhoff, o encontro abordará a proposta de regulamento de reforço de controlo nas fronteiras externas de cidadãos da União Europeia (UE).

Na agenda estará também a criação da guarda europeia costeira, proposta pela Comissão Europeia em dezembro, para monitorizar os fluxos migratórios, identificar pontos fracos e responder em situação de risco.

Na sequência da cimeira de chefes de Estado e de Governo da semana passada, os ministros vão discutir hoje, além da implementação de medidas e eventuais novas ações, a possibilidade da aplicação do artigo 26.º do código de Schengen, que prevê o prolongamento de controlos fronteiriços.

A situação vivida na rota dos Balcãs será tratada num encontro, à margem do conselho de ministros, entre representantes da presidência holandesa da UE, Comissão Europeia, Alemanha, Áustria, Eslovénia, Croácia, Sérvia, Macedónia, Grécia e do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados.

A presidência semestral holandesa da UE convidou o ministro do Interior turco para um almoço, com vista à cimeira entre os 28 e a Turquia no início de março.

Portugal estará representado pela ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa.

Há dois dias, a Organização Internacional das Migrações (OIM) informou que mais de 100.000 refugiados e migrantes chegaram à Europa através do Mediterrâneo desde janeiro e 413 morreram a tentá-lo.

À Grécia chegaram, só em fevereiro, mais de 35.000 refugiados e migrantes, 48% dos quais oriundos da Síria, 25% do Afeganistão, 17% do Iraque, 3% do Irão e 2% do Paquistão.

Em Itália, em contrapartida, durante fevereiro "foram reportados vários dias sem chegadas, devido às duras condições do mar". Só num dia, segunda-feira passada, 940 pessoas foram resgatadas no Canal da Sicília.

A maioria dos migrantes que chega a Itália é proveniente de África - Marrocos, Guiné-Conacri, Senegal, Gâmbia, Nigéria ou Somália, entre outros países.

Lusa

  • Mais de um milhão de crianças em risco de morrer à fome
    1:23

    Mundo

    Cerca de 1.4 milhões de crianças estão em risco iminente de morrer à fome. Deste modo, a UNICEF faz um apelo urgente de cerca de 230 milhões de euros para levar nos próximos meses comida, água e serviços médicos a estas crianças. As imagens desta reportagem podem impressionar os espectadores mais sensíveis.

  • Vídeo amador mostra destruição na Síria
    1:04

    Mundo

    A guerra na Síria continua a fazer vítimas mortais. Um vídeo amador divulgado esta segunda-feira mostra o estado de uma localidade a este de Damasco, depois de um ataque aéreo no fim-de-semana. No ataque, 16 pessoas morreram e há várias dezenas de feridos.

  • Partidos querem eleições a 1 de outubro
    1:35
  • Identificadas 10 mil vítimas de violência em 2016
    1:32
  • Homem que esfaqueou mulher em Esmoriz é acusado de homicídio qualificado
    1:24

    País

    O homem que no sábado esfaqueou a mulher em Esmoriz está acusado de homicídio qualificado. O arguido de 50 anos foi ouvido esta segunda-feira pelo juiz de instrução e ficou em prisão preventiva, uma medida fundamentada pelo perigo de fuga e de alarme. O homem remeteu-se ao silêncio durante o interrogatório, no Tribunal de Aveiro.

  • Homem condenado a oito anos e meio por abuso sexual da mãe
    1:10

    País

    O Tribunal de Coimbra condenou esta segunda-feira um homem de 53 anos a oito anos e meio de prisão por abuso sexual da mãe e ainda por crimes de roubo e coação. A mãe, de 70 anos, sofria de problemas nervosos e consumia bebidas alcoólicas com frequência, tendo sido vítima de abuso sexual por parte do filho enquanto dormia. Os crimes cometidos remetem para o início de 2016, depois do homem já ter cumprido outras penas de prisão em Espanha.

  • Jovem de 21 anos morre colhida por comboio na linha da Beira Baixa
    0:43

    País

    Uma jovem de 21 anos morreu esta segunda-feira ao ser atropelada pelo comboio Intercidades à saída da estação de Castelo Branco, na linha da Beira Baixa. A vítima foi colhida pelo comboio que seguia no sentido Lisboa-Covilhã ao atravessar a linha de caminho de ferro. Este é um local onde não existe passagem de nível, mas habitualmente muitas pessoas arriscam fazer a travessia da linha.

  • Banco do Metro com pénis gera polémica no México

    Mundo

    Um banco em formato de homem com o pénis exposto, numa das carruagens de Metro da Cidade do México, está a gerar polémica. A iniciativa integra uma campanha contra o assédio sexual de que as mulheres são vítima no país.