sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Tusk apela a potenciais migrantes económicos para não virem para a Europa

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, apelou hoje aos "potenciais migrantes ilegais económicos" para "não venham para a Europa", numa deslocação à Grécia.

© Yves Herman / Reuters

"Eu quero apelar a todos os potenciais migrantes ilegais económicos, onde quer que estejam, não venham para a Europa. Não acreditem nos traficantes. Não arrisquem as vossas vidas e o vosso dinheiro. É tudo por nada", afirmou o responsável, sublinhando que "nem a Grécia, nem outro país da Europa, é um país de trânsito".

Tusk recordou que atualmente a Grécia é o "principal ponto de entrada na União Europeia" e onde se vive uma "situação muito complexa e complicada, com um fluxo contínuo de migrantes e refugiados a chegarem diariamente, desde a Turquia, e muitos milhares" ali a permanecerem.

Depois de deslocações a Viena, Ljublajana, Zagreb, Skopje e Atenas, Tusk testemunhou como a situação na rota dos Balcãs é "verdadeiramente dramática".

Tusk irá viajar para Ancara, Istanbul e Belgrado.

Por seu lado, o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, anunciou que na cimeira extraordinária de chefes de Estado e do Governo de segunda-feira, em Bruxelas, vai pedir sanções para os países que não cumpram o "principio fundamental" comunitário de divisão de responsabilidades.

Na conferência de imprensa conjunta com Tusk, Tsipras denominou de "provocatório" a recusa de alguns países em participar no mecanismo de recolocação a partir da Itália e da Grécia.

Lusa

  • Bruxelas propõe 700 M€ para países da UE enfrentarem crise migratória
    1:28

    Crise Migratória na Europa

    Um total de 700 milhões de euros deverá ser disponibilizado como ajuda de emergência humanitária dentro da UE, em particular para responder à crise dos refugiados, segundo uma proposta hoje apresentada pela Comissão Europeia. Mais de 20 mil migrantes estão retidos na Grécia. A pior situação continua a viver-se no norte, junto à fronteira com a Macedónia, onde milhares de refugiados esperam autorização para seguir caminho.

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.