sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Polícia Marítima resgata mais 264 migrantes no mar Egeu

A equipa portuguesa da Polícia Marítima (PM) que está em missão na Grécia resgatou e apoiou 264 pessoas no mar Egeu nos últimos dois dias, informou hoje a Autoridade Marítima Nacional (AMN).

Arquivo

Arquivo

© Dimitris Michalakis / Reuters

A equipa, que se encontra na ilha de Lesbos desde 01 de outubro para apoiar a guarda costeira grega (integrada na operação Poseidon Rapid Intervention) fez quatro missões de busca e salvamento em três patrulhas, resgatando 93 crianças, 72 mulheres e 99 homens, especificou a AMN em comunicado.

Os migrantes e refugiados estavam em embarcações com os motores avariados e tinham sido deixados à deriva entre a Turquia e a Grécia por "facilitadores".

Na madrugada de domingo foram feitas duas missões de busca e salvamento, tendo a equipa resgatado na primeira missão 58 pessoas, que viajavam num bote com o motor avariado e que se estava a afundar. De acordo com o comunicado o mar estava muito agitado e um dos ocupantes do bote estava em hipotermia.

As 58 pessoas foram transportadas para a embarcação da PM Arade.

Numa segunda missão foram resgatadas mais 37 pessoas, que viajavam numa embarcação de fibra "muito frágil" e que corria o risco de se virar e afundar.

Esta madrugada a equipa da PM encontrou uma lancha de fibra com 112 migrantes a bordo e que tinham sido abandonados à deriva pelos facilitadores de imigração. Segundo ainda o comunicado 85 migrantes foram levados para um navio patrulha da guarda-costeira grega e os restantes para o Arade.

Até agora a PM já resgatou na região 2.794 migrantes "que corriam risco de vida", dos quais 742 bebés e crianças.

A equipa da PM vai continuar a apoiar a guarda costeira grega até 30 de setembro. O objetivo é cooperar no controlo e vigilância das fronteiras marítimas gregas e no combate ao crime transfronteiriço.

Lusa

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Guterres apela à Coreia do Norte para cumprir resoluções

    Mundo

    O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, apelou este sábado ao ministro do Exterior da Coreia do Norte, Ri Yong Ho, para o cumprimento das resoluções que o Conselho de Segurança impôs ao país em resposta à sua escalada armada.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.